Vivo promove acessibilidade para pessoas com deficiência visual no Festival de Curitiba

A Vivo, operadora oficial do Festival de Curitiba, promove sessão especial de audiodescrição para pessoas com deficiência visual na peça "Farsa da Boa Preguiça", que ocorre neste final de semana (dias 27 e 28), às 21h, no Teatro Positivo.

A audiodescrição será realizada por dois especialistas de São Paulo e voluntários da Vivo que atuam no Paraná. O recurso consiste na tradução do visual para o verbal. Esta tradução audiovisual caracteriza-se pela descrição objetiva de imagens que, paralelamente e em conjunto com as falas originais, permite uma maior compreensão do produto audiovisual, contribuindo para a inclusão cultural das pessoas com deficiência visual. A Vivo tem contribuído para a divulgação e implementação do recurso no Brasil.

Segundo o diretor territorial da Vivo no Paraná e Santa Catarina, Antonio Pizarro, a operadora já interage com as pessoas com deficiência visual por meio do Vivo Voluntário, transcrevendo obras em braille e participando de diferentes atividades com instituições no Estado. "Convidamos 80 pessoas, de diferentes instituições da cidade, para assistir a esta montagem com o recurso da audiodescrição, que permite a inclusão de pessoas com deficiência visual aos produtos audiovisuais", declara. Além disso, a operadora oferecerá as pessoas com deficiência visual, a sinopse da peça nas versões em braile e com letras ampliadas para baixa visão.

As instituições convidadas pela operadora foram: Instituto Paranaense de Cegos; ADEVIPAR – Associação de Deficientes Visuais do Paraná; Secretaria Estadual de Educação – Setor Educação Especial e UNILEHU – Universidade Livre para Eficiência Humana.

Descontos diferenciados – Clientes Vivo têm desconto de 50% nos ingressos do Festival de Teatro de Curitiba. Basta enviar um SMS para 22211, e apresentar a resposta nas duas bilheterias oficiais do Festival. Além disso, para receber a programação completa do Festival no celular, basta enviar a palavra FESTIVAL para o número 4000 e acompanhar as novidades.

Nos teatros que apresentam as principais peças, a operadora também montou um stand com promotores, que estarão cadastrando o público para o sorteio de um aparelho Nokia, ao final do espetáculo.

A peça – – Com autoria de Ariano Suassuna e direção de João das Neves, possui um texto rimado, cheio de humor e uma montagem que mistura atores e mamulengos (fantoches típicos de Pernambuco). Indicada para todas as idades, narra a história de Joaquim Simão, poeta de cordel, pobre e preguiçoso, que só pensa em dormir. Joaquim é casado com Nevinha, mulher religiosa e dedicada ao marido e aos filhos. Três demônios fazem de tudo para que o pobre casal se renda a tentação e caia no pecado, enquanto dois santos tentam intervir. Jesus observa e avalia tudo. A partir daí, situações inusitadas fazem deste espetáculo uma mistura cultural muito divertida.

Serviço:

Farsa da Boa Preguiça

Dias 27 e 28 de março, às 21h.

Teatro Positivo – Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300

Campo Comprido – Curitiba – PR.

Sobre a Vivo

A Vivo é a líder do mercado de telecomunicações móveis no Brasil desde sua criação, em abril de 2003. A empresa tem consistentemente se destacado em todos os indicadores de desempenho e qualidade avaliados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

A Vivo acredita que na sociedade em rede, o indivíduo vive melhor e pode mais. Por isso, tem como missão criar condições para que o maior número de pessoas possa se conectar, a qualquer momento e em qualquer lugar, possibilitando viver de forma mais humana, segura, inteligente e divertida.

A constante busca pela excelência na prestação de serviço, com foco na qualidade em todos os pontos de contato com o cliente, os serviços de transmissão móvel de dados baseados na maior e melhor rede de segunda e de terceira geração (3G) do País e o amplo portfólio de produtos e serviços à disposição de mais de 52 milhões de clientes, unem-se à sustentabilidade no conjunto dos atributos mais reconhecidos da marca Vivo.

Na área de responsabilidade, desenvolve projetos como o pioneiro programa de reciclagem de aparelhos celulares, baterias e acessórios, que já coletou mais de dois milhões de itens. Por meio do Instituto Vivo, a empresa investe em iniciativas em rede voltadas à educação através de novas formas de aprendizagem e à causa da inclusão de pessoas com deficiência. Na área cultural, a empresa promove iniciativas artísticas coletivas e antenadas com o que há de mais inovador no campo da música, das mídias móveis, do teatro e da experimentação artística.

Entre outros reconhecimentos, a Vivo é uma das melhores empresas para se trabalhar, de acordo com pesquisa da Revista Você S.A.; a empresa que mais inova na relação com Investidores, pela revista Investor Relations; Top of Mind pelo Datafolha; Empresa da Década na relação com o consumidor, pela Revista Consumidor Moderno; e a marca mais valiosa do Brasil no setor de Telecomunicações, na avaliação da consultoria Brand Finance.

Fonte: PARANASHOP

Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma


Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma