Palco Giratório se despede do Recife

Depois de quase um mês de programação teatral ininterrupta, o Palco Giratório, festival realizado pelo Sesc, chega ao fim. Ao todo, aproximadamente 35 espetáculos, de 30 companhias, rodaram pelos principais palcos da cidade, oferecendo ao público pernambucano a oportunidade de rever algumas montagens locais, e também de ter o primeiro contato com espetáculos de outros Estados, ainda inéditos no Recife.

Palco Giratório 2010

Festival cênico, que figurou por quase um mês, encerra domingo. O fechamento será com "Dolores", dos mineiros da Mimulus Cia de Dança.

Para o último final de semana de atrações, a programação do Palco oferece um "mix" de dança, tragédia e até mesmo teatro de bonecos. A Cia de Dança Sesc Petrolina apresenta o espetáculo "Esbórnia", hoje (28), às 17h, no teatro Marco Camarotti, no Sesc Santo Amaro. A montagem passeia por diversos gêneros musicais, indo do tango ao brega, numa verdadeira ode ao exagero.

Este ano, a grande inovação do Festival foi o recurso de áudio-descrição para deficientes visuais. O recurso possibilitou uma maior inclusão desse público em um segmento cujo acesso torna-se bastante difícil, Dos quatro espetáculos que contaram com a novidade, o teatro de animação do grupo Mão Molenga (PE) encerra as apresentações com áudio-descrição amanhã (29), às 16h30, no Teatro Capiba (Sesc Casa Amarela) com o infantil "O Fio Mágico", que conta a história de Gèrard, um menino que tem o dom de adiantar o tempo puxando o fio de sua própria vida.

O sábado conta ainda com a apresentação do espetáculo "Malentendido", da cia. carioca Galharufa Produções. A montagem é uma tragédia moderna, ambientada no período da segunda guerra mundial. Com texto de Albert Camus (vencedor do Nobel de literatura), o espetáculo faz única apresentação, às 21h, no teatro Barreto Júnior. No mesmo dia, os italianos da Cia. Buffa de Teatro realizam a aula-espetáculo "Traduções Caleidoscópicas e Imaginações", às 19h, no teatro Marco Camarotti.

Assim como aconteceu na abertura do Festival, o encerramento da programação ficará a cargo do espetáculo de dança contemporânea "Dolores", dos mineiros da Mimulus Cia de Dança, que se apresentam no domingo (30), às 20h, no Teatro Barreto Júnior. O espetáculo é inspirado no universo do cineasta espanhol Pedro Almodóvar.

Serviço

Palco Giratório
Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia entrada)

Fonte: Folha de Pernambuco

Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma


Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma