São José dos Campos recebe a Itinerância do 36 Festival Sesc de Melhores Filmes

O Sesc São José recebe, a partir do dia 3, quinta, a Itinerância do Festival Sesc Melhores Filmes 2010, que exibe as produções audiovisuais, lançadas em 2009, eleitas como favoritas pelo público e pela crítica.

Criado em 1974, o evento é o mais antigo festival de cinema da cidade de São Paulo. Em 36 anos, a mostra do CineSesc já exibiu centenas de longas-metragens dentro da programação anual, sempre escolhidas por meio de votação. A eleição envolve um júri formado de críticos de cinema de São Paulo e do Rio de Janeiro, além do público, que participa tanto nas exibições presenciais, quanto pela Internet.

Em 2009, a organização do Festival estendeu sua programação para outras cidades do Estado, por meio do programa Itinerância. Além de São José dos Campos, os municípios de Araraquara, Ribeirão Preto, Santos e São José do Rio Preto tiveram a oportunidade de assistir ao conjunto de obras com as melhores atuações, os melhores trabalhos de direção, além dos roteiros e fotografias nacionais dentre os filmes lançados em 2008.

Visando promover a acessibilidade aos filmes, um dos destaques da 36ª Festival é a inclusão da Audiodescrição, recurso que permite a inclusão de pessoas com deficiência visual em cinema, teatro e programas de televisão. No Brasil, de acordo com dados do IBGE, existem aproximadamente 16,5 milhões de pessoas com deficiência visual total e parcial, que estão excluídos da experiência audiovisual e cênica.

A funcionalidade do recurso permite aos deficientes visuais compreender a narrativa por meio da tradução de imagens em palavras e pela descrição, em conjunto com as falas originais.

No Sesc São José a sessão de "500 Dias com Ela (500 Days of Summer)" conta com o recurso da Audiodescrição.

Já a exibição do filme "É Proibido Fumar", inclui um bate-papo com a diretora Anna Muylaert. Formada em cinema pela Escola de Comunicação e Artes da USP, atuou como roteirista e participou das equipes de criação dos programas "Mundo da Lua" (1991) e "Castelo Rá-Tim-Bum" (1995) da TV Cultura, "Disney Club" (1998), do SBT, e "Um Menino Muito Maluquinho" (2006), da TV Brasil. Dirigiu o curta "A origem dos bebês segundo Kiki Cavalcanti" (1996) e o longa-metragem "Durval Discos" (2002), que recebeu prêmio de melhor filme e melhor diretor no 30º Festival de Cinema de Gramado.

A atividade marca o início da programação permanente de cinema no Sesc São José dos Campos, com exibições em 35mm, sempre às 18h dos domingos.

Todas as exibições serão realizadas no Auditório do Sesc com retirada de ingressos com uma hora de antecedência.

Programação:

Ervas daninhas (Les herbes folles)

Dia 03, quinta, às 18h. 126 lugares. 16 anos. Grátis.

Anticristo (Antichrist)

Dia 04, sexta, às 20h. 126 lugares. 18 anos. Grátis.

A festa da Menina Morta

Dia 05, sábado, às 19h. 126 lugares. 18 anos. Grátis.

É proibido fumar

Dia 06, domingo, às 18h. 126 lugares. 16 anos. Grátis.

Bate-papo com Anna Muylaert

Dia 06, domingo, logo após a exibição de É Proibido Fumar. Vagas limitadas. 14 anos. Grátis.

500 Dias com Ela (500 Days of Summer)

Dia 13, domingo, às 18h. 40 lugares. 12 anos. Grátis.

Se nada mais der certo

Dia 20, domingo, às 18h. 126 lugares. 18 anos. Grátis.

Deixa ela entrar (Lat den rät komma in)

Dia 27, domingo, às 18h. 126 lugares. 16 anos. Grátis.

O Sesc fica na Av. Dr. Adhemar de Barros, 999 – Jd. São Dimas. Mais informações pelo telefone 12.3904.2000.

Fonte: Diário de Taubaté

Mais sobre audiodescrição
O Cine às Escuras: Mostra Erótica de Cinema Acessível realiza sua segunda edição nos dias
Um festival que pretende devolver aos mágicos as “luzes da ribalta”, promovendo um encontro entre
Produtores e realizadores já podem inscrever seus curtas-metragens com audiodescrição para concorrer no IV VerOuvindo


Mais sobre audiodescrição
O Cine às Escuras: Mostra Erótica de Cinema Acessível realiza sua segunda edição nos dias
Um festival que pretende devolver aos mágicos as “luzes da ribalta”, promovendo um encontro entre
Produtores e realizadores já podem inscrever seus curtas-metragens com audiodescrição para concorrer no IV VerOuvindo