Repórter Cegueta Na Mostra Vivo Encena de Teatro Jovem

No último dia 3 de julho, no Teatro da Vivo no Morumbi, tivemos mais uma apresentação de uma peça com audiodescrição, recurso que transforma o visual em verbal, abrindo maiores possibilidades de acesso à cultura e à informação, contribuindo para a inclusão social, onde através de um rádio, um fone de ouvido e um audiodescritor as pessoas com deficiência visual ou qualquer pessoa que tenha alguma dificuldade de visualizar detalhes de imagens, tem ampliado significativamente o acesso às informações, possibilitando maior entendimento das cenas, figurinos, cenários e até gestos dos atores.

O Repórter Cegueta William Rodrigues foi conferir tudo isso ao vivo e agora o Movimento Livre disponibiliza para você alguns depoimentos, onde foram entrevistadas algumas pessoas com e sem deficiência: a auxiliar de radiologia do Hospital Heliópolis Zuleide, o aluno da Laramara, Sérgio Ricardo, a pedagoga especializada em deficiência visual da Laramara, Adriana Barsotti, a espectadora Alessandra Leles e a Profª. Lívia Maria Villela de Mello Motta doutora em Lingüística Aplicada e Estudos da Linguagem e Audiodescritora.

Divulgando

A audiodescrição teatral é um recurso inédito na América Latina de inclusão social de pessoas com deficiência. Trata-se de uma técnica que descreve detalhes de um espetáculo, como cenários, ambientes e personagens. Por meio de um fone de ouvido, voluntários narram aos espectadores com deficiência tudo o que acontece em cena. A iniciativa surgiu em 2006, quando o Instituto Vivo e o Grupo Terra de Inclusão Cultural capacitaram cerca de 20 voluntários, durante dois meses. O curso estimulou a observação, a fluência verbal e a linguagem, para desenvolver a objetividade e a clareza no processo de descrição. A audiodescrição estreou no circuito comercial com a peça Andaime, em março de 2007.

O Teatro Vivo fica na Avenida Doutor Chucri Zaidan, 860 no bairro do Morumbi em São Paulo.

Vendas pelo telefone: 11 2198-7715

Repórter: William Rodrigues

Fonte: Movimento LIVRE

Mais sobre audiodescrição
Carla Diacov nasceu em São Bernardo do Campo, SP, Brasil, 1975. Formada em Teatro. Estreia
A audiodescrição está entre as melhores formas de inclusão da pessoa com deficiência visual. Além
Quando receberam o convite do festival Palco Giratório, do Sesc, e da audiodescritora Andreza Nóbrega


Mais sobre audiodescrição
Carla Diacov nasceu em São Bernardo do Campo, SP, Brasil, 1975. Formada em Teatro. Estreia
A audiodescrição está entre as melhores formas de inclusão da pessoa com deficiência visual. Além
Quando receberam o convite do festival Palco Giratório, do Sesc, e da audiodescritora Andreza Nóbrega