Projeto de Lei obriga a audiodescrição na cidade de São Paulo

O vereador Alfredo Cavalcanti apresentou projeto de lei que obriga a apresentação de sessões de cinema com os recursos de audiodescrição e LIBRAS nos cinemas da cidade de São Paulo.

A íntegra do projeto ainda não foi disponibilizada no site da Câmara Municipal.

Projeto de Lei nº 371/2010 de 04/08/2010.

INSTITUI A OBRIGATORIEDADE DE APRESENTAÇÃO DE SESSÃO De CINEMA INCLUSIVO, ADAPTADO A PESSOAS COM DEFICIÊNCIA DE AUDIÇÃO E/OU VISÃO, VIABILIZADOS ATRAVÉS DA INTERPRETAÇÃO EM LÍNGUA GESTUAL PORTUGUESA, LEGENDAGEM E ÁUDIO-DESCRIÇÃO NA CIDADE DE SÃO PAULO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Autor(es): ALFREDO CAVALCANTE.

Nota do Blog: o nobre vereador certamente confundiu a Lingua Brasileira de Sinais com a Lingua de Sinais Portuguesa, assim como também confundiu a grafia de audiodescrição.

Mais sobre audiodescrição
Em audiência na Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos
As TVs por assinatura são obrigadas por lei a transmitir integralmente os canais abertos locais,
O deputado Felipe Francischini (SD) apresentou projeto de lei na Assembleia Legislativa que visa garantir


Mais sobre audiodescrição
Em audiência na Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos
As TVs por assinatura são obrigadas por lei a transmitir integralmente os canais abertos locais,
O deputado Felipe Francischini (SD) apresentou projeto de lei na Assembleia Legislativa que visa garantir