Playground inclusivo no Parque do Ibirapuera

Com rampas de inclinação suave, inscrições em braile, piso tátil e suportes aéreos ao alcance de uma criança sentada em uma cadeira de rodas, o playground inclusivo propõe brincadeiras que misturam equilíbrio, força e estímulos sensoriais na medida exata para que crianças cadeirantes, cegas, surdas, com deficiência intelectual ou múltipla possam divertir-se com o máximo de autonomia.

Crianças brincam em playground inclusivo no Parque do Ibirapuera

Além de interagir com o "brinquedão", como foi batizado pelos funcionários do parque, as crianças poderão assistir a espetáculos circenses durante os dias da programação, agendada para os dias 03 a 31 de outubro, com artistas de circo que se apresentarão junto ao playground inclusivo, no Parque do Ibirapuera.

Nos dias 24 e 31 de outubro, a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida também promoverá show com palhaços, mágico, malabaristas e outras atrações circenses, sempre junto ao playground inclusivo.

As apresentações acontecem entre as 11h e 13h e das 14h às 16h, sempre contando com intérpretes de Libras (para as crianças surdas) e audiodescrição para o público com deficiência visual.

Nos dias 10 e 12 (domingo e feriado), as crianças terão as orientações de monitores para facilitar o primeiro contato das crianças com o brinquedo e transporte gratuito para pessoas com deficiência física pelo serviço Atende, a partir da estação Santa Cruz do metrô.

Outra área em São Paulo que também conta com um playground inclusivo é o Centro Esportivo, Recreativo e Educativo do Trabalhador (Ceret), na zona leste de São Paulo, reinaugurada no dia 30 de maio.

Mês da Criança no Ibirapuera

Dias 24 e 31 de outubro
Horário: 9h30 às 17h
Local: Parque do Ibirapuera (no playground inclusivo, próximo à Marquise e ao Auditório)
Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida (SMPED)
Assessoria de Comunicação e Imprensa

Mais sobre audiodescrição
Foi uma experiência em que todos enxergaram. Na tarde deste sábado, pessoas com e sem
João, Sabrina e Maristela nunca viajaram de avião. Além desse traço em comum, eles são
Inclusão. Esta é a palavra-chave num novo segmento de roteiros rodoviários que a Fresp (Federação


Mais sobre audiodescrição
Foi uma experiência em que todos enxergaram. Na tarde deste sábado, pessoas com e sem
João, Sabrina e Maristela nunca viajaram de avião. Além desse traço em comum, eles são
Inclusão. Esta é a palavra-chave num novo segmento de roteiros rodoviários que a Fresp (Federação