Museu Nacional do Azulejo: tesouros ao alcance de todos

No próximo dia 3 de Dezembro, terá lugar no Museu Nacional do Azulejo a apresentação pública do projecto Tesouros do Museu Nacional do Azulejo ao alcance de todos. Com este evento, o Instituto dos Museus e da Conservação e o Museu Nacional do Azulejo, com o apoio mecenático da Fundação Millennium bcp, associam-se às comemorações oficiais do Dia Europeu das Pessoas com Deficiência.

Museu Nacional do Azulejo - Porto dos Museus

Este projecto foi desenvolvido em parceria com a ACAPO (Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal) e a FPAS (Federação Portuguesa das Associações de Surdos), tendo contado com a orientação dada por Grupos Consultivos de pessoas com Cegueira e Surdez, visando melhores condições de acesso ao espaço e à informação, independentemente de incapacidades que o visitante possa ter, tanto do ponto de vista motor como sensorial (visual e auditivo).

Trata-se de audioguias que incluem audiodescrição para pessoas com cegueira ou baixa visão e videoguias em Língua Gestual para pessoas com Surdez.

Sobre o Museu Nacional do Azulejo:

O Museu Nacional do Azulejo tem por missão recolher, conservar, estudar e divulgar exemplares representativos da evolução da Cerâmica e do Azulejo em Portugal, promovendo as boas práticas de Inventariação, Documentação, Investigação, Classificação, Divulgação, Conservação e Restauro da Cerâmica e, muito em especial, do Azulejo. Integra também a missão do MNAz a salvaguarda patrimonial da igreja e dos demais espaços do antigo Mosteiro da Madre de Deus.

O Museu Nacional do Azulejo procura constituir-se como referência nacional e internacional, seja pela especificidade das suas colecções e dos seus espaços musealizados, seja pela excelência dos conhecimentos que lhe compete produzir e apoiar.

O Centro das suas actividades é a Cerâmica de Revestimento, pelo que deve constituir-se como entidade de referência e apoio à formação acadêmica e profissional, à investigação científica e tecnológica nas áreas da cerâmica de revestimento, cabendo-lhe apoiar as entidades públicas e privadas que tutelam patrimónios construídos com revestimentos cerâmicos, por todo o país.

Através das suas actividades, o Museu Nacional do Azulejo dá a conhecer a história do Azulejo em Portugal procurando chamar a atenção da sociedade para a necessidade e importância da protecção daquela que é a expressão artística diferenciadora da cultura portuguesa no mundo: o Azulejo.

Fonte: Museu Nacional do Azulejo – Porto dos Museus

Mais sobre audiodescrição
Quem disse que arte e tecnologia não podem andar de mãos dadas? Para provar que
Os visitantes com deficiência visual que comparecerem ao Museu Pelé, em Santos (SP), contam agora
Os programas de acesso de um dos maiores e mais importantes museus do mundo –


Mais sobre audiodescrição
Quem disse que arte e tecnologia não podem andar de mãos dadas? Para provar que
Os visitantes com deficiência visual que comparecerem ao Museu Pelé, em Santos (SP), contam agora
Os programas de acesso de um dos maiores e mais importantes museus do mundo –