Os votos de Feliz Ano Novo de Lívia Motta

ANO NOVO 2010 está chegando ao fim
E na despedida não poderia faltar
Uma retrospectiva dos avanços conseguidos
Na audiodescrição que alguns ainda tentam adiar. Foram tantas óperas, peças e filmes,
Animações e exposições,
Passeios turísticos, seminários e desfiles. Na sala de aula, no espetáculo de dança,
No livro de histórias, o entendimento foi ampliando
E muitas pessoas conquistando. Teve até casamento,
E quem foi pôde ver com palavras
E constatar toda emoção da celebração. 2011 vem se aproximando
E com ele a estréia da audiodescrição na televisão,
Para ampliar o acesso à cultura e à informação… É tempo, pois, de celebrar os avanços conseguidos,
A audiodescrição que já não é mais sonho,
Muito menos utopia… Ela chegou para ficar
E no futuro muito mais se instalar. Feliz ano novo! Lívia Motta

Mais sobre audiodescrição
O dicionário Michaelis põe uma pá de cal na polêmica sobre a grafia de audiodescrição
Poesia com deficiência, de SÉRGIO CUMINO, pessoa com deficiência Com sorriso contemplativo O horizonte banha
O Futuro que Queremos: Trabalho Decente e Inclusão de Pessoas com Deficiência é uma série


Mais sobre audiodescrição
O dicionário Michaelis põe uma pá de cal na polêmica sobre a grafia de audiodescrição
Poesia com deficiência, de SÉRGIO CUMINO, pessoa com deficiência Com sorriso contemplativo O horizonte banha
O Futuro que Queremos: Trabalho Decente e Inclusão de Pessoas com Deficiência é uma série