Grande! Audiodescrição estará na Marquês de Sapucaí

O carnaval deste ano não será igual ao que passou, pelo menos para os portadores de deficiência visual. Eles terão à disposição um serviço de audiodescrição: na entrada da Marquês da Sapucaí receberão um fone, por onde poderão ouvir uma narração ao vivo do que acontece na avenida.

Vista superior da Marquês de Sapucaí durante o desfile de uma escola de samba

Conforme O GLOBO noticiou nesta terça-feira, pessoas com deficiência recebem os ingressos gratuitamente, mas só podem assistir os desfiles no setor 13, único com condições de acessibilidade.

O secretário municipal de Turismo e Presidente da RioTur, Antonio Pedro de Mello anunciou que a restrição de espaço também está com dias contados:
"O novo setor par (o atual será demolido para a construção de novas arquibancadas) terá acessibilidade. Já a partir do ano que vem, todas as pessoas com deficiência poderão comprar ingressos", adiantou o secretário, acrescentando, porém, que também há lugares para deficientes no setor 4.

O prefeito Eduardo Paes cobrou explicações da secretária municipal da Pessoa com Deficiência, Isabel Gimenes, sobre as queixas dos deficientes.

Leia outros artigos sobre audiodescrição no carnaval:

Fonte: FADERS

Mais sobre audiodescrição
Carnavais acessíveis que foram destaque em 2017: para acolher pessoas com deficiência, a estratégia da
Nos quatro dias de desfiles no Sambódromo, pelos grupos de Acesso e Especial, cerca de
Sucesso do carnaval carioca: com mais de 400 mil visualizações em menos de 24 horas,


Mais sobre audiodescrição
Carnavais acessíveis que foram destaque em 2017: para acolher pessoas com deficiência, a estratégia da
Nos quatro dias de desfiles no Sambódromo, pelos grupos de Acesso e Especial, cerca de
Sucesso do carnaval carioca: com mais de 400 mil visualizações em menos de 24 horas,