Lívia Motta conta como foi o lançamento do livro Audiodescrição: Transformando Imagens em Palavras

O primeiro livro brasileiro sobre audiodescrição, uma coletânea de artigos e depoimentos de audiodescritores, pessoas ligadas à acessibilidade cultural e pessoas com deficiência visual usuárias do recurso, foi lançado ontem, dia 24/02/11, na Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Estado de São Paulo.

Foto 1: da esquerda para direita, AC e Rô Barqueiro,Sidney Tobias, Aracy Bernardes e Laercio Sant´Anna em pé; Paulo Romeu e Lívia sentados  na mesa de autógrafos, onde estão livros e taças de prosecco.

O livro é um marco na história da audiodescrição brasileira, um registro de como fazemos a audiodescrição em peças de teatro, óperas, filmes, documentários, comerciais, festivais de cinema, além de discutir a formação de audiodescritores, o histórico e panorama brasileiros e no mundo, a questão tão controversa da implementação na televisão brasileira, as leis, decretos e portarias e finalmente o que pensam as pessoas com deficiência visual sobre o recurso.

Foto 2: da esquerda para direita, Paulo Romeu, Suely da Revista Reação com o livro na mão, Lívia, Maurício Santana da Iguale e Bell Machado do Ponto de Cultura segurando uma taça de prosecco.

Leia este artigo completo no blog Ver Com Palavras, de Lívia Motta, a grande responsável por esta publicação.

Mais sobre audiodescrição
No livro Audiodescrição na Escola: Abrindo Caminhos para Leitura de Mundo, Lívia nos conduz pelo
O livro Audiodescrição: Práticas e Reflexões nasce do desejo e da necessidade de observarmos o
O cinema, essa máquina de produzir imagens e fomentar a imaginação, é um ambiente que


Mais sobre audiodescrição
No livro Audiodescrição na Escola: Abrindo Caminhos para Leitura de Mundo, Lívia nos conduz pelo
O livro Audiodescrição: Práticas e Reflexões nasce do desejo e da necessidade de observarmos o
O cinema, essa máquina de produzir imagens e fomentar a imaginação, é um ambiente que