Amigos Pra Valer convidam para a peça infanto-juvenil Carroça de Mamulengos – 35 anos

Vamos lá Amigos! Este será para toda a família! Venham com nossas queridas crianças, teatro é alegria, teatro é cultura!

logotipo Amigos prá Valer

Descrição do logotipo: um coração vermelho com pernas, e braços abertos; Tem uma carinha com um sorriso receptivo e olhos sob óculos escuros. Esse coração está envolvido por duas linhas curvas, criando a forma de um olho, sendo que o coração representa a pupila. Na linha curva superior está escrito em Braille: Amigos pra Valer! e na linha curva inferior escrito em letras garrafais Amigos pra Valer

Nos encontraremos na estação do metrô Conceição.
Domingo 27 de março.

Horário: 14:00 na catraca.

Tomaremos o ônibus estação Berrine linha 5701/10

É a vez de nossos pequenos grandes Amigos pra valer!

CONVITE

VIVO ENCENA convida para a apresentação do espetáculo infanto-juvenil com audiodescrição, interpretação em LIBRAS e legendas: CARROÇA DE MAMULENGOS 35 ANOS.

Dia: 27 de março (domingo).

Horário: 16:00 horas.

Local: Teatro Vivo.

Endereço: Av. Dr. Chucri Zaidan, 860, Morumbi.

Entrada franca. Confirmação de presença pelo e-mail: amigospravaler@amigospravaler.org

Favor chegar com meia hora de antecedência para o início dos recursos de acessibilidade.

Sobre o espetáculo:

O espetáculo CARROÇA DE MAMULENGOS 35 ANOS apresenta a história de uma família de artistas saltimbancos, com bonecos gigantes, palhaços, pernas de pau, contorcionismo, contação de histórias e música. Um espetáculo capaz de encantar os corações dos adultos e crianças!

Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma


Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma