Entidade de cegos rebate declarações do presidente da Abert

Ofício ONCB sobre Audiodescrição

Em cerimônia realizada no auditório da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República dia 20 de junho de 2011, a ministra-chefe de direitos humanos Maria do Rosário, o secretário-executivo do Ministério das Comunicações César Alvarez, o Secretário Nacional de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência Antonio José Ferreira, na presença de representantes de diversas instituições da sociedade civil, além de dezenas de pessoas com deficiência e jornalistas, anunciaram o início inadiável e irrevogável das transmissões de programas de televisão com o recurso de acessibilidade da audiodescrição, conforme previsto na Portaria 188/2010 do Ministério das Comunicações. A ONCB compareceu ao evento representada por Mizael Conrado, bi-campeão paraolímpico de futebol.

Seminário Nacional de Acessibilidade em Ambientes Culturais: deficientes são as pessoas ou os espaços?

A motivação pelo debate sobre o tema da acessibilidade em exposições, museus e outros espaços que abrigam coleções e patrimônio, fez com que reuníssemos arquitetos, designers, museólogos, bibliotecários e demais profissionais e estudantes interessados em reavaliar seus espaços de trabalho, durante o Seminário Nacional de Acessibilidade em Ambientes Culturais. Mudança no olhar sobre o espaço que nos acolhe e nos permite, ou não, ter autonomia frente ao que temos o direito de conhecer e interpretar, esta foi a tônica do evento realizado em maio de 2011, na Faculdade de Arquitetura da UFRGS, em Porto Alegre, RS, Brasil.

SUSURRUS DE DAVID LEDDY ESTREIA EM JUNHO NO BRASIL

Fora do espaço convencional, público poderá vivenciar uma experiência individual, sem atores e sem palco, direto do Parque do Ibirapuera. A peça "Susurrus" (nome original), da companhia teatral Fire Exit, escrita e dirigida pelo premiado dramaturgo David Leddy integra a Temporada de Teatro Contemporâneo SESI-British Council. Com estreia prevista para o dia 27 de junho, a obra escrita em 2006, dispensa o formato de teatro convencional e convida ao público para uma experiência única em meio a paisagem do Parque do Ibirapuera, em São Paulo.