Curso: Gestão de Ambientes Culturais Inclusivos

Curso introdutório para avaliação e desenvolvimento de ações inclusivas da pessoa com deficiência no cenário cultural para gestores e profissionais das áreas da cultura, educação e comunicação. Seu conteúdo, fundamentado nos conceitos de acessibilidade e desenho universal, aborda perspectivas legais, éticas e estéticas.

Folder do Curso de Acessibilidade cultural

Descrição do folder: o folder com fundo branco e letras pretas é ilustrado por um recorte da obra de Michelangelo, intitulada: A Criação de Adão. Nela, um ancião de barbas e cabelos grisalhos, vestindo túnica cor de rosa, no meio de vários anjos desnudos, aponta o dedo para o longe e quase toca com o indicador o Símbolo Internacional de Acessibilidade, colocado ao lado da ilustração. Na parte inferior do folder, a logomarca do Centro Cultural Justiça Federal: um quadrado amarelo com o desenho estilizado do antigo prédio do Supremo Tribunal Federal em preto e as iniciais CCJF abaixo dele. As palavras: Centro, Cultural, Federal, Justiça, estão dispostas em torno do desenho.

O curso será ministrado por profissionais com formação e experiência em projetos culturais e acessibilidade. A metodologia aplicada permitirá que o aluno experimente na prática a teoria apresentada.

Coordenação: Renata Andrade – Especialista em Acessibilidade e Inclusão de Pessoas.

Participação: Denyse Emerich (Especialista em Educação e Museologia) e Éfeso Gonçalves (Especialista em Acessibilidade na Web).

Data: de 19/07 a 22/07 e de 26/07 a 29/07/2011.

Horário: de 14h às 17h15.

Local: Centro Cultural da Justiça Federal – CCJF (Av. Rio Branco, 241, Centro, Rio de Janeiro/RJ).

Número de vagas: 33.

Investimento: R$ 250,00 (20% de desconto para funcionários do TRF da 2ª Região e da Seção Judiciária do Rio de Janeiro e do Espírito Santo, bem como para os funcionários do INSS).

Fonte: enviado para o blog por email.

Mais sobre audiodescrição
O dicionário Michaelis põe uma pá de cal na polêmica sobre a grafia de audiodescrição
Poesia com deficiência, de SÉRGIO CUMINO, pessoa com deficiência Com sorriso contemplativo O horizonte banha
O Futuro que Queremos: Trabalho Decente e Inclusão de Pessoas com Deficiência é uma série


Mais sobre audiodescrição
O dicionário Michaelis põe uma pá de cal na polêmica sobre a grafia de audiodescrição
Poesia com deficiência, de SÉRGIO CUMINO, pessoa com deficiência Com sorriso contemplativo O horizonte banha
O Futuro que Queremos: Trabalho Decente e Inclusão de Pessoas com Deficiência é uma série