Seminário em Porto Alegre discutirá mídia e inclusão de pessoas com deficiência

A importância da mídia para a inclusão de pessoas com deficiência será debatida no seminário Mídia e Deficiência: Qual o papel da comunicação no processo de inclusão?. O encontro acontecerá a partir das 9h do dia 27/08, no Teatro Dante Barone, e reunirá especialistas em mídia inclusiva, profissionais de comunicação com e sem deficiência e professores. Entre os painelistas está Jairo Marques, chefe de reportagem da Agência Folha e colunista do caderno Cotidiano. O seminário é promovido pelo grupo de trabalho da Assembleia Legislativa que trata do tema inclusão, formado por servidores da Escola do Legislativo Deputado Romildo Bolzan, da Superintendência de Comunicação Social, do Departamento de Gestão de Pessoas e do Fórum Democrático, e integra o programa Assembleia Inclusiva.

Seminário Mídia & Deficiência

Descrição da imagem: Logo do seminário Mídia e Deficiência tendo as figuras do símbolo internacional de deficiência e um megafone, o nome do mesmo e a frase : Qual o papel da comunicação no processo de inclusão?

"Este debate já deveria ter sido feito há muito tempo", avalia a coordenadora do grupo de trabalho Juliana Carvalho. "Temos uma legislação que fala da necessidade de haver acessibilidade, inclusive na questão audiovisual", afirma, ao lembrar que, a partir de julho, as emissoras com sinal aberto deverão oferecer pelo menos duas horas semanais de programação com audiodescrição, conforme determinação do governo federal. O recurso é a narração, em um segundo canal de áudio, que explica as imagens que aparecem na tela da tevê e ajuda pessoas com deficiência visual a compreenderem melhor a programação. "A Assembleia Legislativa estruturou neste ano um projeto para acelerar o processo de inclusão e esse seminário promoverá um debate histórico", explica Juliana.

O seminário Mídia e Deficiência antecederá uma série de iniciativas que ocorrerão durante a Semana de Valorização da Pessoa com Deficiência, entre 20 e 28 de agosto, para quando estão programados um seminário sobre autismo, uma passeata realizada em parceria com o Movimento Superação, um desfile de moda inclusiva com roupas da estilista Vitória Cuervo e uma demonstração de paradesporto.

*Programação

* Seminário Mídia e Deficiência:

MANHÃ

8h – 8h30: Credenciamento e inscrições

8h30 – 9h: Abertura
Presidente da Assembleia Legislativa – Dep. Adão Villaverde
Presidente da FADERS – Cláudio Silva
Presidente do grupo Record RS – Fábio Tucilho
Representante do grupo RBS
Diretor de Jornalismo do grupo Bandeirantes RS – Renato Martins

9h – 10h – Painel 1 – MÍDIA PARA INCLUSÃO
Relato: Gustavo Trevisi – jornalista com paralisia cerebral, atua na Secretaria Estadual da Saúde
Mesa:
Jairo Marques – Chefe de reportagem da Agência Folha e colunista do caderno Cotidiano. Assina o blog Assim como Você, que trata de temas relacionados às pessoas com deficiência. Utiliza cadeira de rodas desde a infância.
Edelberto Behs – Coordenador do curso de jornalismo da UNISINOS
Givanildo Menezes – Gerente de jornalismo da Record
Mediação:
Juliana Carvalho – Coordenadora do projeto Assembleia Inclusiva, coordenadora do Movimento Superação RS, apresentadora do programa Faça a Diferença. Autora do livro Na minha cadeira ou na tua?. Assina os blogs Sem Barreiras, do grupo RBS, e o Comediasdavidaaleijada.blogspot.com

10h – 10h30 – Debate

10h30 – 10h45 – Intervalo

10h45 – 11h30 – Painel 2 – PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NA MÍDIA
Mesa:
Jairo Marques
Manoel Soares – Repórter da RBS
Ercy Pereira Torma – Presidente da Associação Riograndense de Imprensa
Vitor Necchi – Diretor do curso de jornalismo da FAMECOS
Mediação:
Roberto Oliveira – Presidente do Conselho Estadual das Pessoas com Deficiência

11h30 – 12h15 – Debate

TARDE

14h – 15h – Painel 3 – ACESSIBILIDADE AOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO
Relato: Juliana Carvalho
Mesa:
Jairo Marques
Lelei Teixeira – Jornalista e uma das sócias da Pauta Assessoria. Tem baixa estatura.
Deca Soares – Coordenadora de Produção da Zero Hora
Deivison Campos – Coordenador do curso de jornalismo da ULBRA
Mediação:
Jorge Amaro Borges – Chefe de gabinete da FADERS

15h – 15h30 – Debate

15h30 – 15h45 – Intervalo

15h45 – 16h45- Painel 4 – POLÍTICAS PÚBLICAS DE INCLUSÃO NA COMUNICAÇÃO
Mesa:
José Maria Rodrigues Nunes – Presidente do sindicato dos jornalistas do Rio Grande do Sul
Lúcio Carvalho – Coordenador Geral da Inclusive, agência de notícias sobre direitos humanos em Porto Alegre
Ana Cristina Cypriano Pereira – Representante da FABICO
Guilherme Castro – Diretor de Programação da TVE
Mediação:
Paulo Brum – Secretário Municipal de Acessibilidade e Inclusão Social

16h45 – 17h15 – Debate

17h15 – 17h45 – Encerramento

André Pereira – Superintendente de Comunicação Social da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul

Fonte: Vanessa Lopez – MTB 7525

Nota do Blog:

Não consegui entender porque no texto inicial de divulgação deste evento fala-se em audiodescrição, mas nas mesas não há ninguém capacitado para falar sobre o assunto, principalmente sabendo que temos tantos craques em audiodescrição no RS.
Mas estou certo de que o Jairo Marques, que já falou várias vezes sobre a audiodescrição, tanto em seu blog quanto na coluna do jornal, não vai deixar tantos dirigentes de emissoras de televisão sairem ilesos deste evento, afinal, "malacabado por malacabado", tanto faz se é das pernas, dos braços, dos olhos, dos ouvidos, da cognição,.
E também estará lá o Lúcio Carvalho (um dos criadores da Inclusive que também é uma grande apoiadora da audiodescrição), outro grande defensor e divulgador dos direitos das pessoas com deficiência.
Ponham eles em uma saia justa por nós, Jairo e Lúcio!

Mais sobre audiodescrição
Como parte da programação da Semana Inclusiva, o CineSesc oferece oficinas sobre acessibilidade em espaços
A PUC Goiás e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas abriram oficialmente
Na próxima terça-feira, dia 14 de março, às 18h, o site do projeto Diversidade na


Mais sobre audiodescrição
Como parte da programação da Semana Inclusiva, o CineSesc oferece oficinas sobre acessibilidade em espaços
A PUC Goiás e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas abriram oficialmente
Na próxima terça-feira, dia 14 de março, às 18h, o site do projeto Diversidade na