Filme olga com audiodescrição em São Lourenço Mg

São Lourenço, localizada no famoso Circuito das Águas no Sul do Estado de Minas Gerais receberá a quarta sessão do evento cinema nacional audiodescrito.

Cartaz do filme Olga

Este evento consistirá em uma exibição de um filme com a audiodescrição, recurso capaz de fazer com que o deficiente visual entenda o que se passa na tela, pois transforma imagens em palavras.

O Cinema Audiodescrito já ocorreu por outras três vezes, duas em São Lourenço e a terceira em Itajubá, tendo sido um sucesso por onde passou.

O projeto "Cinema Nacional Legendado e Audiodescrito – Versão Videoteca" incentivado pelo Ministério da Cultura, patrocinado pela Petrobrás e realizado pela Associação de Reabilitação e Pesquisa Fonoaudiológica (ARPEF), tem o apoio da Faculdade Victor Hugo, instituição superior localizada em São Lourenço (MG), que por seu trabalho no que diz respeito a inclusão, recebeu trinta filmes audiodescritos e trinta filmes legendados.

A quarta sessão do cinema nacional audiodescrito acontecerá no dia 01/10/2011, na Faculdade Victor Hugo, localizada na Avenida Dom Pedro II, 135- Centro -São Lourenço MG, às 9 h 30 min (nove e trinta da manhã).

O filme que será exibido, de forma totalmente gratuita, será “OLGA”. Contamos com a presença e com a divulgação de todos vocês.

Além do filme, estamos idealizando um passeio por São Lourenço, que é uma cidade com vários atrativos turísticos, a saber:
I – Um belo parque de águas minerais com propriedades medicinais e um lindo balneário;
II – Trem das Águas: Consiste em uma Maria Fumaça da década de 1920 que faz o trajeto entre São Lourenço e Soledade de Minas, cidade vizinha;
III – Charrete que faz um passeio pelo centro e outros pontos da cidade, dentre várias outras opções de lazer.

Para a realização do passeio, precisamos de sua confirmação com antecedência, para que possamos ver um restaurante para almoçarmos e fazermos o passeio depois do almoço. É fundamental que nos avisem caso queira participar do passeio para podermos fazer uma previsão de custo. Solicitamos confirmação da presença para o(s) passeio(s) até o dia 24/09/2011 (sábado), através do telefone: 35-8822-8759 ou pelo e-mail: diego8759@yahoo.com.br.

OBS: A exibição do filme será gratuita, independente da realização do passeio.

O passeio é apenas uma sugestão que precisa de interessados para ser realizado. Divulguem a todos!

Ficha Técnica do filme: Olga, 2004 Gênero: Drama
Duração: 141 min
Origem: Brasil
Estúdio: Globo Filmes
Direção: Jayme Monjardim
Roteiro: Rita Buzzar, Fernando Morais
Produção: Guilherme Bockel.
Sinopse: Olga Benário Prestes nasceu de uma família judia em Munique na Alemanha em 12 de fevereiro de 1908. Em 1925 Olga vai para Berlim onde continua sua militância. Em 1926 é presa por traição mas liberada poucas semanas depois. Em 1928 lidera uma cinematográfica investida ao tribunal para liberar seu companheiro Otto Braun. Os dois fogem então para Moscou onde Olga é aclamada, faz treinamento militar e carreira no Comintern. Em 1934 Olga é designada para garantir a chegada segura ao Brasil do líder comunista Luís Carlos Prestes onde lideraria a Intentona Comunista de 1935. Deveriam se passar por marido e mulher para facilitar seu disfarce. Na longa viagem se apaixonam. Com o fracasso da revolução Olga e Prestes são presos e separados. Grávida de Prestes, Olga empreende uma grande luta para ter sua filha no Brasil. Quando Anita (sua filha) tinha 14 meses ela foi retirada de Olga e entregue à avó Leocádia, fato que Olga só soube depois. Em 1938 Olga foi transferida para o campo de concentração de Lichtenburg e em 1939 para Ravensbrück, o único grande campo exclusivo para mulheres. Lá Olga foi líder de bloco e deu aulas para as outras presas. Em fevereiro de 1942 Olga foi levada com outras 200 prisioneiras para a câmara de gás de Bernburg onde foi executada.

Fonte: o blog de diego corrêa

Mais sobre audiodescrição
O Cine às Escuras: Mostra Erótica de Cinema Acessível realiza sua segunda edição nos dias
Um festival que pretende devolver aos mágicos as “luzes da ribalta”, promovendo um encontro entre
Produtores e realizadores já podem inscrever seus curtas-metragens com audiodescrição para concorrer no IV VerOuvindo


Mais sobre audiodescrição
O Cine às Escuras: Mostra Erótica de Cinema Acessível realiza sua segunda edição nos dias
Um festival que pretende devolver aos mágicos as “luzes da ribalta”, promovendo um encontro entre
Produtores e realizadores já podem inscrever seus curtas-metragens com audiodescrição para concorrer no IV VerOuvindo