Companhia de Saneamento inova na contrapartida ao pedir audiodescrição e legendas nos filmes

A Secretaria de Estado da Cultura anunciou nesta terça-feira (29/11) os 19 projetos de filmes em longa metragem escolhidos para receber verbas do Programa de Fomento ao Cinema Paulista 2011. Treze projetos receberão entre R$ 137 mil e R$ 600 mil para viabilizar a fase de produção e seis, cuja filmagem já está concluída, receberão de R$ 150 mil a R$ 300 mil para a finalização. São R$ 8 milhões no total, em recursos de incentivo fiscal disponibilizados pela Sabesp por meio das leis federais do Audiovisual e Rouanet. Cabe à Secretaria de Estado da Cultura a coordenação do processo seletivo dos proponentes.

SABESP

Além das contrapartidas convencionais, a Sabesp inova e estabelece que cada produção premiada disponibilize uma cópia em DVD do longa metragem adaptada para pessoas com deficiência visual e auditiva. Este filme será exibido no Cine Sabesp, na Capital, ou em eventos culturais que tenham a participação da Companhia de Saneamento.

"Isso vai reforçar o nosso compromisso de formação de plateias no Cine Sabesp, possibilitando a experiência do cinema para todos os públicos", afirma Rodrigo Mathias, analista de Gestão de Patrocínios da Sabesp e integrante da comissão de seleção do Programa de Fomento.

A Sabesp é a empresa paulista que mais investe em cinema no Estado de São Paulo e uma das três maiores incentivadoras no País. Em São Paulo, este investimento ganhou mais força a partir de 2004, ano em que a Companhia iniciou sua participação no Programa de Fomento ao Cinema: ao todo, a empresa já contabiliza R$ 48 milhões em investimentos no setor, com patrocínio a 127 filmes, dentro deste projeto.

"O Programa de Fomento ao Cinema Paulista é um dos muitos mecanismos de incentivo à cultura coordenados ou mantidos pelo Governo de São Paulo. No total, investimos R$ 127 milhões só este ano na produção artística independente, entre recursos orçamentários e de renúncia fiscal", afirma o Secretário de Estado da Cultura, Andrea Matarazzo.

Premiados

Os contemplados em 2011 no Programa de Fomento ao Cinema Paulista foram selecionados por uma comissão julgadora com dez integrantes, sendo oito especialistas em cinema (diretores, curadores, produtores, professores universitários) e dois gestores da Secretaria. Os critérios para escolha dos vencedores incluem interesse cultural e artístico do projeto, adequação do orçamento aos objetivos propostos, qualificação da empresa proponente, do diretor do projeto e dos demais profissionais envolvidos.

No total, 107 projetos foram inscritos este ano. Além dos vencedores, foram definidos também 13 projetos suplentes para a modalidade produção e quatro para finalização. Os suplentes serão contemplados, em ordem de classificação, caso algum dos projetos vencedores não possa, por qualquer motivo, receber os recursos disponibilizados.

A lista completa, assim como as demais informações sobre o programa, estão publicados no site da Secretaria da Cultura.

Saiba mais

O Programa de Fomento ao Cinema Paulista foi criado para possibilitar o patrocínio de empresas estatais paulistas, via incentivo fiscal, a produções artísticas inscritas nas leis Rouanet e do Audiovisual.

A organização do Programa cabe à Secretaria de Estado da Cultura, que faz a seleção dos projetos de acordo com critérios estabelecidos em Lei e valores disponíveis para aplicação.

Entre os filmes já apoiados pelo programa, há vários sucessos de público e crítica como O Cheiro do Ralo (Heitor Dhalia); Antônia (Tata Amaral); Reflexões de um Liquidificador (André Klotzel); A Casa de Alice (Chico Teixeira); Um Homem de Moral (Ricardo Oliveira); É Proibido Fumar (Anna Muylaert); e As Melhores Coisas do Mundo (Laís Bodanzky).

Fonte: Maxpressnet

Mais sobre audiodescrição
Esplendor" (ou "Hikari", no original) é uma lufada de delicadeza numa safra de filmes pesados.
A Ancine e o setor decidiram quais vão ser os tipos de arquivos com audiodescrição
Na próxima sexta-feira (29/07), a Filmes Que Voam lançará gratuitamente em seu portal o filme


Mais sobre audiodescrição
Esplendor" (ou "Hikari", no original) é uma lufada de delicadeza numa safra de filmes pesados.
A Ancine e o setor decidiram quais vão ser os tipos de arquivos com audiodescrição
Na próxima sexta-feira (29/07), a Filmes Que Voam lançará gratuitamente em seu portal o filme