Curso de história do cinema com a audiodescritora Bell Machado

Por meio da exibição de filmes em sua íntegra e aulas teóricas, o curso se propõe a pensar a constituição do cinema como linguagem, e desse modo, dar um suporte teórico para o desenvolvimento de um olhar crítico sobre o cinema. Para se fazer uma boa leitura e análise das vertentes contemporâneas do cinema, é preciso um conhecimento profundo de sua história.

Tópicos

• Panorama sobre a história do cinema desde seus primórdios: Irmãos Lumiére, Georges Meliès, Griffith, Porter; o surgimento das principais escolas de vanguarda: Construtivismo russo, Expressionismo alemão, Realismo poético francês, surrealismo; o cinema da Liberação, o Neorealismo italiano; a Nouvelle Vague, Cinema Novo e Cinema marginal;

• Estrutura fílmica: roteiro, direção e produção;

• Análise do contexto histórico e a influência sócio-político-econômica nas produções cinematográficas;

• Relações filosóficas presentes na forma e no conteúdo do filme;

• A formação dos "juízos das percepções", as metáforas do olhar e os sentidos como fonte do conhecimento;

• Análise das produções contemporâneas.

Público Alvo:

O curso não requer conhecimento específico sobre cinema. É oferecido àqueles que apreciam a arte cinematográfica.

Horário: todas as terças feiras das 19:00h às 21:30h

Duração: o curso tem início em 06 de março e término em 18 de Dezembro

Carga horária: 100 horas

Mensalidade: R$ 150,00

Local: Rua Bernardino de Campos 989 – Centro – Campinas, SP.

Informações:

CCLA: ccla@ccla.org.br / tel: 3231-2567

Bell Machado: multibell@gmail.com / tel: 25113330.

Mini Currículo

Bell Machado é audiodescritora da ONG Vez da Voz.

É Bacharel em Filosofia pela Unicamp. Fez faculdade de Fonoaudiologia na PUCC e Agronomia, na Universidade de Padova, Itália.

Em 2000 iniciou seu trabalho em audiodescrição de filmes para pessoas com deficiência visual, no Centro Cultural Braille de Campinas. No mesmo ano, junto à graduação de filosofia da Unicamp, desenvolveu pesquisas com os usuários do Centro Braille, sobre filósofos iluministas que investigaram as metáforas óticas e a construção do conhecimento por meio dos sentidos.

Coordena desde 2005 o projeto de inclusão social, cultural e digital do Ministério da Cultura: Ponto de Cultura Cinema em Palavras no Centro Braille. Em 2006 o Projeto "Cinema para cegos" foi agraciado com o Prêmio Cidadão RAC-CPFL.

É professora do curso "Introdução à formação de audiodescritores" oferecido para professores da Rede de Ensino da Prefeitura Municipal de Campinas.

Ministrou em 2011 cursos de Formação em audiodescrição na TV Comunitária – Canal oito / NET e no Centro Cultural Braille de Campinas.

Como audiodescritora, participou de importantes ciclos e mostras de cinema com acessibilidade, como a 1ª e 2ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul, em 2006 e 2007.

Desde 2005 é curadora da programação de filmes com audiodescrição no MIS-Museu da Imagem e do Som de campinas.

Foi professora de História do Cinema no MIS de 1999 a 2010. Atualmente ministra um curso de cinema na Escola de Artes Pandora.

É agente cultural do Projeto da Petrobrás-Cinema BR em Movimento, no qual exibe filmes brasileiros com audiodescrição ao vivo.

Integrante do Grupo AD-ABNT, grupo de discussão das normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), que tem o objetivo de estabelecer as diretrizes para a produção de audiodescrição no Brasil.

Fonte: VIP Virtual

Mais sobre audiodescrição
A Universidade Estadual do Ceará (UECE) e a Universidade Aberta do Brasil (UAB) oferecem cursos
O Itaú Cultural promove em dezembro a segunda edição do "Entre Arte e Acesso", evento
Objetivos: o curso de audiodescrição Da Imagem Estática a Palavra Falada tem por objetivo fornecer


Mais sobre audiodescrição
A Universidade Estadual do Ceará (UECE) e a Universidade Aberta do Brasil (UAB) oferecem cursos
O Itaú Cultural promove em dezembro a segunda edição do "Entre Arte e Acesso", evento
Objetivos: o curso de audiodescrição Da Imagem Estática a Palavra Falada tem por objetivo fornecer