Teatro para crianças nas férias

Criançada ganha mais uma opção de lazer durante as férias, a partir deste sábado (30), quando começa o 9° Festival de Teatro para Crianças de Pernambuco. A programação segue até 28 de julho, aos sábados e domingos, sempre às 16h30, nos teatros de Santa Isabel (no bairro de Santo Antônio), Marco Camarotti (Santo Amaro), Barreto Júnior (Pina) e Luiz Mendonça (Boa Viagem). Os ingressos serão vendidos nas bilheterias dos teatros, por R$ 24 (inteira) e R$ 12 (meia).

Teatro infantil

A grade do festival conta com 15 espetáculos, sendo um da Bahia e um de São Paulo, divididos em 28 apresentações. Além disso, a produção está organizando oficinas e vivências, voltadas tanto para o público infantil quanto para profissionais do teatro.

Caxuxa

O espetáculo “Caxuxa”, escrito por João Falcão e dirigido por Cláudio Ferrário e Lívia Falcão, faz a abertura oficial do evento, no sábado (30), no Teatro de Santa Isabel, na Praça da República. Encenada por atores da Duas Companhias (PE), a peça representa os sonhos de seus cinco personagens que vivem, trabalham, brincam e sonham na rua. Toda a história se passa em uma única noite, onde as crianças preferem não dormir, para sonhar acordadas.

As Levianinhas

Outro destaque é o pocket show das clowns “As Levianinhas” (PE), que se apresentam nos dias 14 e 15 de julho, no Luiz Mendonça, no Parque Dona Lindu, na Avenida Boa Viagem. A brincadeira teatral é voltada para todas as idades, e as personagens Aurhelia, Baju, Mary En e Tan Tan conquistam adultos e crianças. As clowns, interpretadas por Enne Marx, Juliana de Almeida, Nara Menezes e Tâmara Floriano cantam (algumas vezes de forma atrapalhada) músicas como “La Vaca Lola”, “Biquini de bolinha amarelinho” ou ainda canções do repertório de filmes infantis, como “Alvin e os Esquilos”.

Nem Sempre Lila

Único da programação com audiodescrição e tradução para libras, o espetáculo “Nem sempre Lila” (PE) é dirigido pela companhia Quadro de Cena, e conta a história de uma menina que cai em um buraco, logo após a separação de seus pais. Lá ela mergulha em um universo de contos populares e brinca com personagens da “Moura Torta” e do “Amor entre Recife e Olinda”, entrelaçando os contos com sua própria vida. A peça será apresentada nos dias 28 e 29 de julho, no Teatro Marco Camarotti, do Sesc Santo Amaro. Os recursos para deficientes auditivos e visuais estarão presentes na apresentação do dia 28.

Protocolo Lunar

O baiano "Protocolo Lunar", que se apresenta nos dias 28 e 29 de julho, no Teatro Luiz Mendonça, fecha a programação com a história de aventuras que surgem a partir do encontro entre uma menina e uma velha. Sedenta de conhecimento, a jovem se depara com uma senhora que traz em suas malas uma estranha biblioteca, com livros e outros objetos. Entre eles, um pergaminho, que traz o nome do espetáculo, no qual se lê sobre a origem da Lua, e seu papel em histórias de amor. Enquanto lê os contos, uma história se desenrola e se transforma, com situações interpretadas por objetos, bonecos e efeitos de computação gráfica.

Fonte: Portal G1

Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma


Mais sobre audiodescrição
A partir deste sábado, 5, estarão abertas as inscrições para a quinta edição do Programa
Paradinha Cerebral faz parte do Circuito Cultural Cidade Olímpica. A peça foi um dos projetos
Atualmente, é possível acomodar em um mesmo espetáculo um público de surdos, que acompanha uma