Exposição Miradas del Alma, no Centro Cultural São Paulo

De 7 de julho a 26 de agosto, o Centro Cultural São Paulo, em parceria com o Consulado Geral do México e apoio da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, recebe a exposição "Miradas del Alma", que reunirá 51 obras trazidas da Fundação John Langdon Down, pioneira no atendimento a crianças, jovens e adultos com síndrome de Down.

Essa exposição é inédita no Brasil. Acaba de ser realizada no Rio de Janeiro e agora é apresentada ao público de São Paulo, depois de passar por museus e galerias de diversos países. A abertura da exposição contará com a participação especial do Coral Cidadãos Cantantes.

As obras foram desenvolvidas por alunos da Escuela Mexicana de Arte Down, que faz parte da estrutura da Fundação e possui um programa de educação e cultura que é referência em âmbito mundial, e que procura promover a educação baseada no desenvolvimento da compreensão, expressão e criação artística. Os trabalhos desenvolvidos pelos alunos com síndrome de down já mereceram o reconhecimento e a aclamação de importantes mestres das artes visuais.

Fundação John Langdon Down

Criada em 1972, foi a primeira entidade mundial do gênero dedicada a prover melhor qualidade de vida às pessoas com síndrome de Down e às suas famílias, a partir de programas educativos e de atendimento médico e psicológico que vão do nascimento até a idade adulta.

A instituição mantém a Escola Mexicana de Arte Down, única e sem paralelo no mundo, cujas pinturas, litografias e gravuras foram expostas em museus e galerias de 38 cidades das Américas, Europa e Ásia e mereceram o reconhecimento e a aclamação dos mais importantes mestres das artes visuais.

As atividades da Escola Mexicana de Arte Down levam à descoberta de que a educação abre as portas ao mundo pleno e de maiores realizações e promove o desenvolvimento de todas as capacidades do ser humano onde as habilidades artísticas não são a exceção.

"As pessoas com síndrome de Down nos ensinam a ver a vida com maior profundidade. Se vivemos com eles e conseguimos penetrar em sua forma de interpretar o mundo, percebemos que são uma chave para reordenar nossos valores. Por trás de visíveis carências surge a força do espírito humano, a capacidade criadora que transcende os mecanismos da inteligência e que inunda com uma luz que só eles podem nos dar: o prazer irrestrito da vida". (Fundação John Langdon Down).

"Miradas del Alma" reúne trabalhos de 23 alunos/ artistas: Aarón Guzmán, Ana Bertha Kuri, Armando Robles, Arturo Romero, Carlos Ramírez, Christian Silva, David Chávez, Erik Alcântara, Erik Navarro, Francisco Pulido, Helio Cortés, Jacqueline Méndez, Josafat Calónico, Leonardo Cambranis, Lorena Vélez, Marco Polo Castillo Carlock, Maynca Pacheco, Pedro Muciño, Roxana Velázquez, Rubén Larios, Vicente Morales, Víctor Lora e Víctor Méndez.

Espaços para inclusão

Desde 2007, o Centro Cultural São Paulo vem priorizando a inclusão de pessoas com deficiência em seus espaços, acervos e programação por intermédio de ações próprias ou por meio de parcerias, notadamente com a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida – SMPED.

Para isso, os principais espaços do prédio foram readequados com a instalação de piso tátil, telefones, elevadores e banheiros acessíveis. Aos acervos foram disponibilizados equipamentos, softwares e periféricos acessíveis e, na programação, a preocupação com a acessibilidade se reflete não só na questão da utilização dos recursos da audiodescrição ou interpretação de Libras, como também na realização de eventos que priorizam discussões sobre os diversos aspectos relacionados à cultura e à acessibilidade. Em 2012, por exemplo, foi criada a Curadoria de Programas Acessíveis, que tem como curadora responsável Helena Chenque. Além disso, já existe em seu quadro funcional pessoas capacitadas a fazerem audiodescrição de espetáculos, de exposições e de filmes para nossa programação.

Serviço

Miradas del alma

Abertura: 7 de julho, às 15h

Período: 7 de julho a 26 de agosto

Visitação: terça a sexta, das 10h às 20h; sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h

Local: Centro Cultural São Paulo – Praça Mário Chamie (Bibliotecas)

Endereço: Rua Vergueiro, 1000, Paraíso

Informações: 3397-4002

Entrada franca.

Mais sobre audiodescrição
Pai da Aviação e Patrono da Força Aérea Brasileira, Alberto Santos Dumont tem sua vida
Fotografias que ficaram guardadas por anos e objetos pessoais do fotógrafo amador Alberto de Sampaio
Além da Pele: A Beleza da Alma e da Família é uma exposição composta por


Mais sobre audiodescrição
Pai da Aviação e Patrono da Força Aérea Brasileira, Alberto Santos Dumont tem sua vida
Fotografias que ficaram guardadas por anos e objetos pessoais do fotógrafo amador Alberto de Sampaio
Além da Pele: A Beleza da Alma e da Família é uma exposição composta por