Encontro Baiano para Espaços Museais e Instituições Socioculturais na Perspectiva da Acessibilidade

Nos dias 24 e 25 de outubro, acontece, no Museu Carlos Costa Pinto, o "1º Encontro Baiano para espaços museais e instituições socioculturais na perspectiva da acessibilidade". O evento promoverá debates sobre a questão da acessibilidade, em seus diversos aspectos, no âmbito das instituições ligadas à cultura, visando qualificar o serviço prestado por estas à sociedade civil.

Participam do encontro a Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (DIMUS/IPAC), a Secretaria Municipal do Trabalho, Assistência Social e Direitos do Cidadão (SETAD), o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (COMPED), o Ministério Público, a Fundação Mário Leal Ferreira, Revista EXISTO, a organização não governamental Vida Brasil, projeto Perspectivas em Movimento e o grupo de pesquisa Tradução, Mídia e Audiodescrição (Tramad).

O coordenador do Núcleo de Formação e Acessibilidade da DIMUS, Moari Castro, participará de duas mesas redondas que fazem parte do evento. Para ele, "com o avanço das políticas públicas para acessibilidade, como a normatização dos critérios de acesso, há um sensível aumento na atenção, por parte do Estado e sociedade civil, para a urgência na discussão e implementação de ações que solucionem as lacunas e dificuldades existentes, em especial no universo dos museus".

Mesas redondas e grupos de trabalho integram a programação do encontro, que, no dia 24, debate os seguintes temas: "Acessibilidade em ambientes culturais: experiências locais", com instituições culturais do Corredor da Vitória, "Legislação e cidadania" e "Recursos de Acessibilidade". No segundo dia do encontro (25.10), as mesas discutem "Barreiras físicas" e "Barreiras atitudinais". O evento se encerra com a formação de grupos de trabalhos setoriais que visam a formulação de ações de acessibilidade para espaços culturais.

A atividade é gratuita e acontece das 9h às 17h, no dia 24, e das 8h30 às 18h, no dia 25. Estão sendo oferecidas 100 vagas e certificado aos participantes. Os interessados devem se inscrever previamente pelo e-mail cultural@museucostapinto.com.br.

O encontro é uma realização do Museu Carlos Costa Pinto, com apoio financeiro do Fundo de Cultura da Bahia e apoio institucional da Associação para a Inclusão à Comunicação, Cultura e Arte (ARCCA), da Prefeitura Municipal de Salvador e do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia, através da sua Diretoria de Museus.

Confira a programação:

Dia 24/10

8h às 9h – Credenciamento

9h às 10h – Mesa de abertura

Representante da Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos

Bárbara Carvalho dos Santos (MCCP)

Moari Castro (coordenador do Núcleo de Formação e Acessibilidade – DIMUS/IPAC)

Representante da SETAD

Ednilson Sacramento (Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência)

Dra. Nidalva Brito (Ministério Público)

10h às 10h30min – Intervalo

10h30min às 12h30min – Mesa Acessibilidade em ambientes culturais: experiências locais

Instituições culturais do Corredor da Vitória.

Mediação: Moari Castro (DIMUS/IPAC)

12h30min às 14h – Intervalo para almoço

14h às 15h – Mesa sobre Legislação e cidadania

Dra. Nidalva Brito (Ministério Público)

Dr. Manoel Jorge Silva Neto (Ministério Público do Trabalho)

15h00 às 15h30 – Intervalo

15h30min às 17h – Mesa sobre Recursos de Acessibilidade

Humberto Pires, Eliana Franco (TRAMAD),

Mediação: Ednilson Sacramento (COMPED)

Dia 25/10

8h30min às 10h – Mesa sobre Barreiras Físicas

Islândia Costa (VIDA BRASIL), Raimundo Nonato (Fundação Mário Leal Ferreira)

Mediação: Ninfa Cunha (Perspectivas em Movimento)

10h às 10h30min – Intervalo

10h30min às 12h – Mesa sobre barreiras atitudinais

Mariene Maciel; Silvia Regina Costa Martins (COMPED), Diego Almeida (Revista EXISTO)

Mediação: Antônio Carlos Barbosa

12h às 14h – Intervalo para almoço

14h às 16h – Grupos de trabalho setoriais para formulação de ações

16h às 18h – Apresentação das propostas e ações.

Serviço:

O que: 1º Encontro Baiano para espaços museais e instituições socioculturais na perspectiva da acessibilidade

Quando: Dia 24 de outubro, das 9h às 17h, e dia 25 de outubro, das 8h30 às 18h.

Onde: Museu Carlos Costa Pinto, Av. Sete de Setembro, 2490 – Corredor da Vitória.

Informações: 3336-6081

Gratuito

FONTE: ASCOM/DIMUS

Mais sobre audiodescrição
A PUC Goiás e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas abriram oficialmente
Na próxima terça-feira, dia 14 de março, às 18h, o site do projeto Diversidade na
O 3° Encontro (Inter)nacional de Audiodescrição acontece de 26 a 29 de abril de 2017


Mais sobre audiodescrição
A PUC Goiás e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas abriram oficialmente
Na próxima terça-feira, dia 14 de março, às 18h, o site do projeto Diversidade na
O 3° Encontro (Inter)nacional de Audiodescrição acontece de 26 a 29 de abril de 2017