Acessibilidade na televisão em painél da 3ª Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência

Na última terça-feira, tive o privilégio de falar para os delegados e participantes da 3ª Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência, que aconteceu em Brasília. Participei do Painél 5: Acessibilidade na Comunicação, ao lado de Anahi Guedes, amiga de tantas batalhas, e do Dr. Octávio Pierante, diretor do Departamento de Acompanhamento e Avaliação de Serviços de Comunicação Eletrônica do Ministério das Comunicações, que tive o prazer de conhecer na conferência.

Bastaram 5 minutos de conversa com Dr. Octávio para que identificássemos alguns pontos em que a audiodescrição na televisão pode evoluir, principalmente em relação a disponibilidade da audiodescrição na programação das TVs Abertas transmitida pelas TVs por Assinatura. Sem dúvida, é um contato que retomaremos muito em breve! Pena que, devido a alguns atrasos no início dos painéis, tive de sair correndo logo após minha fala para não perder o avião. Peço desculpas ao Dr. Octávio e a Anahi por não ter podido ouvir suas falas, e principalmente peço desculpas aos presentes no auditório por não ter podido debater questões tão interessantes e importantes para a acessibilidade na comunicação.

Pela manhã, já no aeroporto de Brasília, encontrei a querida Marcia Caspary, feliz e ansiosa pela oportunidade de fazer a audiodescrição ao vivo da exibição do filme Colegas, que seria apresentado naquela noite para os quase 1500 participantes da Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência. Seria um récorde de público para o estágio atual da audiodescrição brasileira?

Ainda antes do almoço, tive o prazer e a honra de encontrar pessoas que considero ícones na luta pelos direitos das pessoas com deficiência: o grande xará, Romeu Sassaki, o amigo e companheiro de todas as batalhas na luta pela acessibilidade na televisão, Marcos Bandeira, e fiquei emocionado ao apertar a mão desse monstro sagrado, Dr. Ricardo Tadeu.

III Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência: Romeu Sassaki, Paulo Romeu, Ricardo Tadeu e Marcos Bandeira

PraCegoVer: Em uma das salas da Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência: da esquerda para direita, em plano americano: Romeu Sassaki, Paulo Romeu, Ricardo Tadeu e Marcos Bandeira. Os três primeiros de terno e gravata. Sassaki veste terno cinza, risca de giz, camisa branca, gravata escura. Ele usa óculos de sol. Paulo Romeu veste terno azul marinho, camisa branca e gravata bordô com listras diagonais em cinza e marinho. Ricardo está de terno preto, camisa branca, gravata azul marinho com listras diagonais em bordô e bege. Ele usa óculos escuros. Marcos veste camisa pólo cinza escuro, tem um crachá vermelho pendurado no pescoço. Todos sorriem para a foto! Paulo e Ricardo seguram suas bengalas. (foto e descrição da audiodescritora Marcia Caspary)

Fonte: Blog da Audiodescrição

Mais sobre audiodescrição
Para responder a pergunta como se produz audiodescrição na televisão, te convido a percorrer uma
Já teve curiosidade de saber como são feitos os recursos de acessibilidade hoje presentes em
Tendo como moderador Edson Moura, a seção das 15h30 da sala 17 do Congresso da


Mais sobre audiodescrição
Para responder a pergunta como se produz audiodescrição na televisão, te convido a percorrer uma
Já teve curiosidade de saber como são feitos os recursos de acessibilidade hoje presentes em
Tendo como moderador Edson Moura, a seção das 15h30 da sala 17 do Congresso da