Programa Ciência Aberta produzirá vídeos com audiodescrição

Estão abertas as inscrições para a seleção de bolsistas e voluntários que vão atuar na produção do programa Ciência Aberta, que será veiculado na TV UFPB, Canal 43. São oferecidas cinco vagas, sendo três para estudantes de Teatro e duas para alunos de Comunicação Social (Jornalismo e Rádio e TV). O valor mensal da bolsa é de R$ 360,00 com duração de seis meses. Quatro voluntários também serão selecionados para integrar a equipe do programa.

“>logotipo da TV UFPB

Aprovado pelo Edital Proext 2013, do Ministério da Educação, o programa de televisão "Ciência Aberta" é uma iniciativa da TV UFPB com o objetivo de divulgar as pesquisas desenvolvidas pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) que fazem uma relação com o saber popular.

As inscrições devem ser feitas através do e-mail ciencia.aberta@gmail.com até as 23h59 do dia 22 de fevereiro de 2013. O candidato deve informar nome, curso, matrícula, telefone e e-mail. Além disso, deve enviar, em anexo, uma carta de intenção de até uma lauda, o histórico escolar e o horário individual.

A seleção para os estudantes de Teatro será realizada nos dias 26 e 28 de fevereiro de 2013, às 8h00, na Biblioteca Central. Para os estudantes de Comunicação Social, a seleção acontece nos dias 26 e 27 de fevereiro de 2013, às 14h, no Núcleo de Produção em Comunicação e Artes (NPCA), próximo ao Sintespb.

A seleção acontece em três etapas. A comissão organizadora vai analisar primeiro o histórico escolar e a carta de intenção dos candidatos. Em seguida, os alunos passam por uma entrevista e a última etapa é um teste de vídeo, feito apenas pelos estudantes de Teatro. O resultado será divulgado por e-mail no dia 1º de março de 2013.

Ciência Aberta

O projeto, coordenado pela professora Joana Belarmino, vai utilizar elementos de teledramaturgia, reportagem e recursos de audiodescrição, garantindo acessibilidade para pessoas com deficiência. A idéia é popularizar o conhecimento científico, democratizar o acesso à informação e contribuir para a formação profissional de estudantes de graduação em Jornalismo e Teatro.

Serão produzidos 10 programas, de sete minutos cada, integrando os temas saber popular e ciência e tecnologia. Com isso, a UFPB faz a ponte entre o desenvolvimento científico e tecnológico e a sabedoria popular, sendo o primeiro programa de televisão do gênero na Paraíba.

Além da veiculação no Canal 43, as edições serão disponibilizadas no site da UFPB (www.ufpb.br). Também integram a equipe do programa os servidores da TV UFPB Madrilena Feitosa (diretora do programa Ciência Aberta), Cely Farias (diretora de teledramaturgia), Valeska Picado (assistente de direção), Laena Antunes (redatora de TV) e Marina Pessoa (figurinista).

Fonte: Agência de Notícias da UFPB – Laena Antunes

Mais sobre audiodescrição
O cinema, como arte audiovisual, se comunica por meio de uma linguagem. No que se
A Editora Catarse lançou o Manual de audiodescrição para produtos jornalísticos laboratoriais impressos, de Daiana
Este artigo, intitulado Problematização da Acessibilidade Comunicativa para Pessoas com Deficiência, promove a problematização inicial


Mais sobre audiodescrição
O cinema, como arte audiovisual, se comunica por meio de uma linguagem. No que se
A Editora Catarse lançou o Manual de audiodescrição para produtos jornalísticos laboratoriais impressos, de Daiana
Este artigo, intitulado Problematização da Acessibilidade Comunicativa para Pessoas com Deficiência, promove a problematização inicial