BIENAL NACIONAL DE IMAGENS NA CIÊNCIA, ARTE, TECNOLOGIA, EDUCAÇÃO E CULTURA

Começa amanhã no Rio de Janeiro a "BIENAL NACIONAL DE IMAGENS NA CIÊNCIA, ARTE, TECNOLOGIA, EDUCAÇÃO E CULTURA". O evento é uma promoção do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia – IBICT e acontece no período de 6 a 8 de junho de 2013, no Fórum de Ciência e Cultura da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ, no Campus Praia Vermelha, à Avenida Pasteur, número 250, no bairro da Urca. As inscrições são gratuitas.

A Profª Drª Lena Vania Ribeiro Pinheiro (IBICT) é a coordenadora geral do evento e esclarece: "A Bienal foi pensada para despertar emoção, criatividade e imaginação nos participantes e, com esse objetivo, reúne múltiplos olhares sobre imagens e sua influência na cultura contemporânea". Conferências, painéis, oficinas, exposições, filmes e "espaço livre" foram articulados em torno da temática da Bienal. "Estruturadas em questões relevantes e atuais, as diversas atividades vão proporcionar o debate e o compartilhamento de idéias e experiências com o público", complementa a coordenadora.

As oficinas (também gratuitas) vão contemplar as temáticas da áudio-descrição, organização de fotografias, histórias em quadrinhos com o uso de software, animação, ilustração científica, web-design e preservação de imagens digitais. Completam esse rico cenário sobre Imagens, exposições de pintura, fotografia e lustração científica e, no "espaço livre", a apresentação de caricaturas, cartuns e histórias em quadrinhos, com demonstração prática. "Esperamos que participem desta experiência, com emoção e como exercício de sensibilidade, imaginação e criatividade", convida Lena Vania.

A temática da áudio-descrição será abordada em dois momentos durante a Bienal. Na sexta-feira, 7 de junho, dàs 9h30 às 10h30, o Prof. Dr. Francisco Lima, coordenador do Centro de Pós-Graduação em Educação Inclusiva da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) fará conferência intitulada "Imagens, Educação e Cultura". No sábado, 8 de junho, acontece a oficina "Áudio-Descrição: para "ouver" imagens", das 9h às 18h, na sala 230 do prédio da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis (FACC). A instrutora é a jornalista, produtora de eventos, áudio-descritora e consultora em acessibilidade Verônica Mattoso. O objetivo é dar a conhecer o fluxo da Informação inerente à prática da áudio-descrição e a aplicabilidade desta técnica de tradução visual no universo da Informação em Arte, promovendo o fenômeno de "ouver" imagens estáticas e estruturando um novo modelo de exposições acessíveis e acessáveis para todos. A oficina será realizada em interação com a instrutora, com a artista plástica Teresa Moura e com o consultor de acessibilidade e tecnologia assistiva Marcio José Felipe.

A participação na oficina de áudio-descrição requer inscrições prévias que devem ser feitas até sexta-feira, dia 7 de junho, por meio de mensagem enviada para andrea@sbancodeprojetos.com.br e para quenia@sbancodeprojetos.com.br, informando nome completo do participante, instituição onde atua (ou se é autônomo), além de informar um telefone celular para contato.

Fonte: Verônica Mattoso

Jornalista e Produtora de Eventos

Gestora de Informações do Rappanui Gastronomia

Especialista em Informação em Arte para pessoas com deficiência visual (áudio-descrição)

Mestre em Ciência da Informação (IBICT/UFRJ)

Mais sobre audiodescrição
Como parte da programação da Semana Inclusiva, o CineSesc oferece oficinas sobre acessibilidade em espaços
A PUC Goiás e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas abriram oficialmente
Na próxima terça-feira, dia 14 de março, às 18h, o site do projeto Diversidade na


Mais sobre audiodescrição
Como parte da programação da Semana Inclusiva, o CineSesc oferece oficinas sobre acessibilidade em espaços
A PUC Goiás e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas abriram oficialmente
Na próxima terça-feira, dia 14 de março, às 18h, o site do projeto Diversidade na