Relato do workshop Instrumentalizando a Audiodescrição como Ferramenta de Acessibilidade

Nos dias 23, 24 e 25 de maio, no campus central da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, aconteceu o workshop Instrumentalizando a audiodescrição como ferramenta de acessibilidade. A atividade foi promovida pelo Programa Incluir/UFRGS, núcleo que atende a alunos com necessidades especiais na Universidade. A realização ficou a cargo da Ver com Palavras, em parceria com a Tagarellas Audiodescrição.

Audiodescrição como Ferramenta de Acessibilidade: foto da professora e da turma

O principal objetivo do workshop Instrumentalizando a Audiodescrição como Ferramenta de Acessibilidade foi capacitar bolsistas e servidores do Programa Incluir, além de fiscais ledores do vestibular e demais funcionários da UFRGS. Algumas vagas foram abertas à comunidade externa, o que proporcionou maior ressonância dos conteúdos ministrados.

A carga somou doze horas, dividida em três dias de quatro horas/aula cada, com turmas nos turnos da manhã e da tarde. Nos dois primeiros dias, foram debatidas as inúmeras possibilidades da descrição de imagens estáticas.

Leia o relato completo dos três dias do curso e as descrições das fotos no Blog dos Tagarellas!

Mais sobre audiodescrição
A Universidade Estadual do Ceará (UECE) e a Universidade Aberta do Brasil (UAB) oferecem cursos
O Itaú Cultural promove em dezembro a segunda edição do "Entre Arte e Acesso", evento
Objetivos: o curso de audiodescrição Da Imagem Estática a Palavra Falada tem por objetivo fornecer


Mais sobre audiodescrição
A Universidade Estadual do Ceará (UECE) e a Universidade Aberta do Brasil (UAB) oferecem cursos
O Itaú Cultural promove em dezembro a segunda edição do "Entre Arte e Acesso", evento
Objetivos: o curso de audiodescrição Da Imagem Estática a Palavra Falada tem por objetivo fornecer