Vila Sésamo terá audiodescrição e libras

A TV Cultura e a Sesame Workshop, responsável pela criação e coprodução da série Vila Sésamo, se uniram para a realização do Projeto Incluir Brincando, que será lançado no dia 17 de março (segunda-feira) numa campanha transmídia, que inclui a TV Cultura, a TV Rá Tim Bum! e o portal cmais.com.br.

Vila Sésamo no Projeto Incluir Brincando

A campanha que será veiculada durante sete meses busca a conscientização sobre o direito de brincar de forma segura e inclusiva. Além dos personagens já conhecidos de Vila Sésamo, Garibaldo e Bel, conta ainda com a participação de uma boneca cadeirante vinda diretamente da Vila Sésamo de Israel. O primeiro programa tem a presença do ator Lázaro Ramos, embaixador do UNICEF no Brasil.

O projeto de fazer Vila Sésamo com recursos de acessibilidade é inédito na tevê brasileira por incluir ações com educadores, familiares e cuidadores por meio de diferentes plataformas. A cada mês um dos temas da campanha será promovido durante as programações infantis da TV Cultura e da TV Rá Tim Bum!, no portal cmais (cmais.com.br/vilasesamo) e no perfil oficial do programa no Facebook (www.facebook.com/VilaSesamoOficial), utilizando vídeos promocionais, episódios especiais, jogos digitais, atividades para imprimir, artigos e chamadas para ações no site e nas redes sociais.

Todos os vídeos contam com interpretação em Libras, recurso de audiodescrição e closed caption. Neles, personagens da Vila Sésamo interagem com artistas e atletas, que trabalham com um assunto específico. Em março, o tema Brincar é um direito da criança é abordado pelo ator Lázaro Ramos; em abril, Brincadeiras inclusivas é apresentada pelo atleta paraolímpico Daniel Dias; em maio, a atriz Isabel Fillardis fala de Brincando em família. A medalhista olímpica de vôlei Ana Moser aparece em junho para falar de Brincando na comunidade; em julho, o cantor Daniel fala de Brincando com os amigos; a cantora Fernanda Takai apresenta, em agosto, o tema Feira de brinquedos; e, em setembro, o último tema ganha a presença do músico e bailarino Antônio Nóbrega encerrando a campanha com Brincadeiras do Brasil.

Nos episódios especiais, que vão ao ar na TV Cultura e na TV Rá Tim Bum!, historinhas são centradas nos temas da campanha, protagonizadas pelos personagens da Vila Sésamo. Garibaldo e Bel ganham uma convidada especial para participar do projeto. É Sivan, uma boneca cadeirante vinda diretamente da Vila Sésamo de Israel. Sua participação reforça a ideia de que toda criança tem o direito de brincar, inclusive as que possuem algum tipo de deficiência. Além de ressaltar o respeito à diversidade e a importância da colaboração e da criatividade durante o brincar inclusivo. Sivan tem sete anos de idade e adora se divertir. Inventa novas maneiras para brincar e nunca fica de fora. Ela tem um grande senso de humor e está sempre pronta para ajudar os seus amigos.

No portal cmais, onde também existem recursos de acessibilidade como leitor de tela, os jogos digitais contam com conteúdo educativo; as atividades para imprimir trabalham conhecimento de si, reflexão, atenção, psicomotricidade, expressão artística e corporal. Há ainda os artigos, que são textos informativos sobre os temas da campanha para educadores, familiares e cuidadores, e as chamadas para ação no site e nas redes sociais.

A iniciativa do programa faz parte da proposta da TV Cultura. "Colocar no ar o Projeto Incluir Brincando é uma enorme satisfação e atesta a preocupação permanente da Fundação Padre Anchieta com a educação de qualidade e com a diversidade de conteúdos para todos os públicos", afirma o presidente da FPA, Marcos Mendonça.

Para o diretor regional da América Latina da Sesame Workshop, Jorge Baxter, esta temática é parte do DNA da Sesame. "Estamos felizes por lançar um dos primeiros projetos transmídia sobre o assunto no Brasil e na América Latina. Acreditamos que conteúdos divertidos e de alta qualidade disponibilizados em diferentes plataformas (TV, mídias digitais, mídias sociais, escolas e atividades comunitárias) podem aprofundar o envolvimento do público nesta questão tão importante".

O Projeto Incluir Brincando conta com o apoio da Fundação MetLife, parceria estratégica do UNICEF, e parceria institucional da Associação Laramara, do Instituto Rodrigo Mendes, da Efeito Visual Serigrafia e da Iguale Comunicação de Acessibilidade.

Vila Sésamo e o Projeto Incluir Brincando Para educadores

O curso de formação e a coleção Incluir Brincando contam com a parceria das secretarias municipais de Educação de Paraty (RJ), Marechal Deodoro e Barra de São Miguel (AL). O objetivo é construir referenciais teóricos e práticos para o desenvolvimento integral das crianças por meio do brincar inclusivo e seguro, utilizando os diferentes recursos do Projeto Incluir Brincando. Até junho deste ano serão formados cerca de 200 participantes, entre professores de educação infantil, coordenadores pedagógicos, diretores de escolas e representantes da sociedade civil.

As pessoas interessadas pelo desenvolvimento inclusivo, brincar e infância poderão ter acesso gratuito à Coleção Incluir Brincando pelo portal cmais ( cmais.com.br/vilasesamo/colecaoincluirbrincando ), além de suas versões com acessibilidade para pessoas com deficiência visual.

Vila Sésamo e o Projeto Incluir Brincando: Exibição da campanha

TV Cultura

Vídeos promocionais – durante a programação infantil
Episódios especiais – segunda a sábado, no Quintal da Cultura (manhã – a partir das 9h30 / tarde, a partir das 15h)

TV Rá Tim Bum!
Vídeos promocionais – durante a programação
Episódios especiais – segunda a sábado, às 10h50 e 19h50; domingo, às 11h45 e 15h45.

Portal cmais

Poderão ser acessados os vídeos promocionais, os episódios especiais e as entrevistas com as personalidades, além de jogos, atividades e artigos.

Fonte: Maxpress Net

Mais sobre audiodescrição
Visando contribuir com as ações de enfrentamento contra à pedofilia e violência sexual que ganham
Cerca de 15 adolescentes e crianças cegas entre 2 e 16 anos da Associação dos
O Dia da Animação (DIA), maior evento de cinema simultâneo do Brasil, chega a sua


Mais sobre audiodescrição
Visando contribuir com as ações de enfrentamento contra à pedofilia e violência sexual que ganham
Cerca de 15 adolescentes e crianças cegas entre 2 e 16 anos da Associação dos
O Dia da Animação (DIA), maior evento de cinema simultâneo do Brasil, chega a sua