Site discute Jornalismo em Audiodescrição

A estudante do curso de Comunicação Social – habilitação em Jornalismo da Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC), Daiana Stockey Carpes, percebeu a necessidade de adaptar o jornal impresso para um meio em áudio, afim de que as pessoas que possuem cegueira recebessem as mesmas informações visuais que os leitores. como resultado, está disponível o site "Jornalismo em Audiodescrição".

A partir disso, a aluna criou um projeto pioneiro na instituição. Foi desenvolvido um produto de comunicação com o objetivo de promover o acesso a informação a pessoas que possuem baixa visão ou cegueira, na qual o jornal laboratório do curso de Comunicação Social – Unicom – recebeu uma versão em áudio, com audiodescrição de suas imagens, garantindo a acessibilidade daqueles que não podem ler.

E neste ano, com a disciplina de Monografia em Jornalismo e orientada pelo professor Demétrio de Azeredo Soster, a acadêmica aprimorou mais uma vez a sua pesquisa e criou o site Jornalismo em Audiodescrição, onde são apresentados notícias, pesquisas, vídeos em audiodescrição produzidos pelos acadêmicos da Unisc e aqueles produzidos por empresas da área, entre outros.

Fonte: Rede SACI

Mais sobre audiodescrição
Era o último dia da Campus Party. Cega, Sarah Marques foi convidada por um grupo
Preconceito, falta de informação, desinteresse, desconhecimento, descaso e abandono. Neste sábado, 21, quando celebramos o
Um site em que você pode assistir ou baixar filmes gratuitamente e, o melhor, com


Mais sobre audiodescrição
Era o último dia da Campus Party. Cega, Sarah Marques foi convidada por um grupo
Preconceito, falta de informação, desinteresse, desconhecimento, descaso e abandono. Neste sábado, 21, quando celebramos o
Um site em que você pode assistir ou baixar filmes gratuitamente e, o melhor, com