Sonhos e beleza em desfile de moda inclusiva

Nem parecia que era domingo. O dia 25 de maio começou cedo na Escola Pró-Arte de Campinas. Desde as oito horas da manhã, cabeleireiros, maquiadores, modelos e cenógrafos circulavam pelas salas e corredores da Escola em movimentação digna de super produção. Tudo isso por um motivo muito especial: a montagem de um editorial de Moda Inclusiva. Integrante do evento de mesmo nome, o editorial "Sonho de Doçura" fica em exposição no foyer do teatro Brasil Kirin (Shopping Center Iguatemi), do dia 03 ao 08 de junho. No dia 03, há ainda apresentação de trabalhos e o tão esperado Desfile de Moda Inclusiva. Todo o evento é aberto ao público e tem entrada franca.

Moda Inclusiva 1

PraCegoVer: menino de camisa branca com gravata borboleta na cor verde sorri para a câmera. A seu lado uma mulher com peruca de cabelos azuis também sorri. Ela usa chapéu bege e terno com echarpe marrom com figuras de caveiras – Crédito da imagem: Carlos Rincon

O editorial de moda inclusiva foi montado apenas no domingo, mas a preparação começou bem antes. Durante toda a semana anterior, o Curso de Moda da Escola Pró-Arte de Campinas esteve mobilizado na concepção do editorial e preparação do cenário. Idealizada pelo professor Tiago Negrini, a cenografia despontou como um refúgio de cor no dia nublado e cinza que foi o dia 25 em Campinas. A temática escolhida – fantasia – foi inspirada em obras literárias como "Alice no país das maravilhas" e "A fantástica fábrica de chocolates" e em suas posteriores adaptações cinematográficas.

"O editorial de moda inclusiva tem como objetivo trabalhar o imaginário fantasioso, resgatando beleza, sonhos, emoções, sentimentos, brincadeiras, nostalgia e, além de tudo, o nosso contato com um mundo que, por alguns momentos, desconhecemos", declara Tiago.

Moda Inclusiva 2

PraCegoVer: close da mulher de peruca azul – Crédito da imagem: Carlos Rincon

Para o clima de festa sugerido pela cenografia ficar completo, faltava o mais importante: o toque de vida que só poderia ser trazido pelos modelos. Eles chegaram no domingo, animados com a experiência. Compreendendo várias faixas etárias, desde crianças até adultos, cadeirantes, deficientes visuais e auditivos, pessoas com Síndrome de Down, autismo e Síndrome de Cri Du Chat, uniram-se para comprovar que a beleza não precisa responder a padrões.

Depois de passar pelos maquiadores e cabeleireiros, todos foram conduzidos ao ateliê, onde eram aguardados pelo time de fotógrafos, encabeçado pelo professor Carlos Rincon, do Curso de Fotografia da Pró-Arte. As imagens produzidas compõem a exposição que embelezará o foyer do Teatro Brasil Kirin (Shopping Center Iguatemi) do dia 03 ao 08 de junho. A abertura acontece durante a Etapa Campinas do Sexto Concurso de Moda Inclusiva.

Moda Inclusiva 3

PraCegoVer: Modelos posam com parte da equipe do Editorial de Moda Inclusiva, incluindo o idealizador Tiago Negrini (sentado, ao centro) – Crédito da imagem: Carlos Rincon

Moda Inclusiva

Com a intenção de estimular o desenvolvimento de soluções em vestuários direcionados a pessoas com deficiência, o Concurso Moda Inclusiva foi criado em 2009 pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo. A etapa Campinas tem parceria da Secretaria Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Campinas.

Dividido em duas etapas, uma regional e outra internacional, o Concurso de Moda Inclusiva tem o propósito de incentivar a reflexão acerca da necessidade de desenvolvimento de produtos e serviços que considerem a diversidade humana.

Moda Inclusiva: Etapa Campinas

Na terça-feira, dia 03, a programação do editorail Moda Inclusiva abre às 16h com a mostra competitiva de projetos de vestuário para pessoas com deficiência. Desta etapa, participam estudantes da área de moda em instituições de nível técnico ou superior.

Após a apresentação, a programação encerra às 19h com o Desfile Moda Inclusiva, em que os modelos retratados no editorial poderão ser vistos na passarela, desfilando figurinos produzidos em anos anteriores do concurso e integrantes do acervo do Projeto Moda Inclusiva. O Desfile contará com audiodescrição ao vivo de Bell Machado e tradução em LIBRAS feita por Josie Ananias, para que os espectadores com deficiência visual ou auditiva possam acompanhar todos os detalhes do desfile do mesmo modo que os demais.

Serviço:

Exposição Fotográfica – Editorial "Sonho de Doçura"
De 03 a 08 de junho (terça a domingo)
No foyer do Teatro Brasil Kirin (Shopping Center Iguatemi)
Produção: Escola Pró-Arte (Curso de Moda em parceria com Curso de Fotografia)
Concepção do Editorial: Tiago Negrini
Fotografias: Carlos Rincon.

Concurso Moda Inclusiva Etapa Campinas
Dia 03 de junho (terça-feira)
No Teatro Brasil Kirin (Shopping Center Iguatemi)
Às 16h: apresentação de trabalhos
Às 19h: desfile Moda Inclusiva
Toda a programação tem entrada franca.

Realização: Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo
Parceria: Secretaria Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Campinas, Conselho Estadual para assuntos das Pessoas com Deficiência, Prefeitura de Campinas, Faculdade ESAMC, Escola Pró-Arte, Shopping Iguatemi Campinas, Teatro Brasil Kirin, Mario Sérgio Hair Stylist, Beatriz Pinho Beauty.
Categorias: Fotografia, Moda, Pró-Arte.

Fonte: Escola Pró-Arte

Mais sobre audiodescrição
Quando tinha 18 anos Ersea Maria Alves fez um curso de manequim, mas nunca imaginou
Nesta terça, 20 de setembro, às 19h, aconteceu o desfile de premiação da terceira edição
Música, literatura e declamações. Estas seriam as palavras que definiriam o Vida Iluminada Entre Amigos,


Mais sobre audiodescrição
Quando tinha 18 anos Ersea Maria Alves fez um curso de manequim, mas nunca imaginou
Nesta terça, 20 de setembro, às 19h, aconteceu o desfile de premiação da terceira edição
Música, literatura e declamações. Estas seriam as palavras que definiriam o Vida Iluminada Entre Amigos,