Postagens do assunto: Campanha pela Audiodescrição

Mato Grosso aderiu a campanha #PraCegoVer

A partir de agora, com o auxílio de aplicativos mobiles e programas leitores de tela, os cegos podem converter o conteúdo das publicações do Facebook
do Governo do Estado de Mato Grosso em áudio. Trata-se da Descrição da imagem #PraCegoVer, um recurso focado em acessibilidade que o Gabinete de Comunicação,
em parceria com a Superintendência da Pessoa com Deficiência, está disponibilizando na sua fanpage oficial.

Teatro acessível para todas as crianças

Meu nome é Estefany, moro em Belém, tenho 10 anos, sou cega e adorei ir ao teatro. Eu não enxergo, mas acompanhei o espetáculo do começo ao fim. Foi uma das coisas mais legais que já fiz. A oportunidade para crianças com deficiência irem ao teatro é rara no Brasil. Por isso, junto com a minha mãe, criei este abaixo-assinado para que os senadores aprovem o Dia Nacional do Teatro Acessível e, assim, todas as crianças possam ir e, sempre que quiserem, participarem das peças de teatro.

Debate aberto sobre acessibilidade em salas de cinema

O portal Mundo Cegal e a Organização Nacional de Cegos do Brasil – ONCB, convidam para o debate aberto sobre a Consulta Pública da ANCINE. Os usuários com deficiência visual, os profissionais da Audiodescrição e os produtores do audiovisual que querem saber/conhecer/debater sobre as questões concernentes a Notícia Regulatória e Relatório de Análise de Impacto sobre acessibilidade nas salas de cinema, a hora é essa.

Previsão do tempo na TV: instável para pessoas cegas

Quem não convive com uma pessoa com deficiência visual dificilmente vai compreender o mecanismo utilizado por elas para acessar as informações veiculadas pela televisão. A capacidade de receber essa informação vendo e ouvindo simultaneamente, traz o entendimento de que esses sentidos estão integrados. Seria redundância, por exemplo, ler o número do telefone que aparece no rodapé da tela ao invés de convidar o telespectador a ligar para “o telefone que aparece no vídeo”. Além disso, cria-se a ideia de que em televisão, tempo é dinheiro, usando essa justificativa para expluir milhares de pessoas que, por qualquer motivo, não conseguem ler. E quando o assunto é previsão do tempo…

America Acessivel: Informação e Comunicação para TODOS

Nós, os participantes do foro regional América Acessível: Informação e Comunicação para Todos, realizado em São Paulo, Brasil, de 12 a 14 de novembro de 2014, gostaríamos de agradecer aos anfitriões, à Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, aos organizadores do América Acessível: Informação e Comunicação para Todos, a União Internacional de Telecommunicações (UIT), à representação no Brasil da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) e à Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República do Brasil (SDH) e aos patrocinadores.

Encarte na Faixa: movimento dissemina ideia de criar faixa bônus de audiodescrição em CDs e DVDs

Músicos, pessoas com deficiência visual, instituições representativas e formadores de opinião, entre outros atores da sociedade civil, lançam no dia 13 de dezembro, em Curitiba, o Movimento Encarte na Faixa. A ação tem o objetivo de garantir o acesso de pessoas com deficiência visual ao conteúdo dos encartes de CDs e DVDs, por meio de faixa bônus com a gravação em áudio da ficha técnica das músicas, textos de apresentação e audiodescrições das imagens do álbum.

Espaços Deficientes

Grande parte dos projetos culturais é realizada via leis de renúncia fiscal, ou seja, com impostos de todos, incluindo as pessoas com deficiência visual e auditiva. Pode uma menina cega assistir a uma peça de teatro e ao fim sair comentando sobre detalhes do cenário e figurino? Pode um rapaz surdo ir a um musical e se emocionar com a letra das músicas que compõem a trilha? Pode uma pessoa cega ser júri de um festival de cinema? Pode um grupo de amigos cegos ir ao teatro e ler o programa sem ajuda? Sim, é possíve le prova de que os espaços deficientes é que tornam as pessoas deficientes.

Justiça Vidente: artigo de Fábio Adiron

Segundo a Enciclopédia de Filosofia de Christoph Lumer, a justiça é um conceito abstrato que se refere a um estado ideal de interação social em que há um equilíbrio razoável e imparcial entre os interesses, riquezas e oportunidades entre as pessoas envolvidas em determinado grupo social. Suas concepções e aplicações práticas variam de acordo com o contexto social e sua perspectiva interpretativa, sendo comumente alvo de controvérsias.