Postagens do assunto: Ministério das Comunicações

Como cego, prefiro a mesma televisão para todos

O INES, um instituto de educação para surdos, divulgou ontem notícia sobre o lançamento de uma WebTV destinada especificamente para as pessoas surdas e com deficiência auditiva (eles mesmos fazem esta diferenciação entre eles). Segundo a notícia, a programação contará com interpretação em Libras e legendas. Hoje, o Ministério das Comunicações reproduziu a notícia em seu site.

Acessibilidade na televisão em painél da 3ª Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência

Na última terça-feira, tive o privilégio de falar para os delegados e participantes da 3ª Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência, que aconteceu em Brasília. Participei do Painél 5: Acessibilidade na Comunicação, ao lado de Anahi Guedes, amiga de tantas batalhas, e do Dr. Octávio Pierante, diretor do Departamento de Acompanhamento e Avaliação de Serviços de Comunicação Eletrônica do Ministério das Comunicações, que tive o prazer de conhecer na conferência.

Pressão continua: ABERT quer revisão da norma de acessibilidade na TV

As emissoras de TV aberta querem manter o desenho atual de destinação da faixa de 700 MHz, pelo menos nos grandes centros, notadamente em São Paulo. Também querem impedir o uso dos chamados "white spaces", pequenos nacos do espectro que funcionam como banda de guarda, de forma a se evitar interferências na recepção dos sinais.

Ministério vai fiscalizar acessibilidade na TV

Com o objetivo de fiscalizar todas as emissoras de radiodifusão do Brasil até o fim de 2015, o Ministério das Comunicações realizou nesta terça-feira o primeiro Sorteio para o Acompanhamento da Radiodifusão (SAR). Quinze municípios – três em cada uma das regiões do país – foram sorteados e, agora, todas as emissoras de rádio e TV instaladas nessas cidades serão fiscalizadas. Esse processo vai se repetir a cada dois meses, no máximo.

Governo explica acessibilidade na televisão aberta

O Brasil tem mais de 45 milhões de pessoas com algum grau de deficiência visual ou auditiva, de acordo com o último levantamento do IBGE realizado em 2010. Para muitas delas, o simples hábito de ver televisão, tão presente na vida do brasileiro, pode se tornar uma grande dor de cabeça. Governo explica como e porque a acessibilidade na programação das emissoras de televisão aberta agora tornou-se obrigação para os radiodifusores.

Conade, Abert e Minicom reunem-se para discutir acessibilidade na TV

Brasília, 15/08/2012 – O diretor do Departamento de Acompanhamento e Avaliação de Serviços de Comunicação Eletrônica do Ministério das Comunicações, Octavio Pieranti, participou, nesta quarta-feira, da reunião das comissões permanentes do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conade).