Postagens do assunto: Normas

Abert lança manual sobre recursos de acessibilidade para TV

A Abert disponibilizou em seu site um manual completo sobre as atuais normas de acessibilidade que devem ser cumpridas pelas emissoras de televisão. O documento, elaborado pela equipe técnica da entidade, tem o objetivo de orientar os profissionais que atuam nas geradoras e retransmissoras associadas.

Fórum SBTVD pode criar guia de operações de acessibilidade na TV

O Fórum Brasileiro de Televisão Digital Terrestre pode criar um Guia de Operações de Acessibilidade na TV Digital. Esta foi uma das demandas apontadas no Workshop de Acessibilidade Digital, promovido pelo Fórum SBTVD em parceria com a ABNT no dia 10 de agosto.

ABNT cria grupo de trabalho para elaborar norma de audiodescrição

Em reunião realizada no último dia 23 de junho, no Centro de Controle Operacional do Metrô de São Paulo, a Comissão de Estudos de Acessibilidade na Comunicação da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) formalizou a criação de um novo grupo de trabalho que terá como objetivo a discussão do projeto de uma futura norma de audiodescrição.

Portaria MC nº 188 de 2010

Portaria Nº 188, de 24 DE Março de 2010

O MINISTRO DE ESTADO DAS COMUNICAÇÕES, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87, parágrafo único, incisos II e IV, da Constituição,

RESOLVE:

Portaria 310 do Ministério das Comunicações

PORTARIA 310, DE 27 DE JUNHO DE 2006.

O MINISTRO DE ESTADO DAS COMUNICAÇÕES, no uso das atribuições que lhe confere o art. 87, parágrafo único, inciso II da Constituição, e CONSIDERANDO os comentários recebidos em decorrência de consulta e audiência pública realizada pela Portaria nº 476, de 1 de novembro de 2005, publicada no Diário Oficial da União de 3 de novembro de 2005 e Portaria nº 1, de 4 de janeiro de 2006, publicada no Diário Oficial da União de 4 de janeiro de 2006, CONSIDERANDO o disposto no art. 53 do Decreto nº 5296, de 2 de dezembro de 2004,

Resolve:

NBR 15290: a norma de acessibilidade na televisão da ABNT

NBR 15290: um marco importante para a televisão acessível: quem não possui deficiência auditiva ou visual e se senta diante da televisão diariamente não faz idéia do quanto esse meio tão popular de entretenimento é inacessível para quem tem ausência de audição ou visão. Experimente fechar os olhos e entender o que se passa nas cenas preenchidas com grunhidos, trilha sonora ou simplesmente nada, pois nada é o que significam para os cegos aqueles letreiros carregados de boa intenção, com mensagens silenciosas. A intenção de quem os criou pode até ser boa, mas é de alcance limitado. Experimente, ainda, tapar os ouvidos e acompanhar as cenas de diálogos decisivos, ou ainda, um telejornal sem imagens, apenas com informações verbalizadas. Difícil, não? Se é difícil em apenas um exercício que se faz brincando, imagine para quem não tem opção de se livrar da "brincadeira".

Normas Brasileiras Para Televisão Digital da ABNT Já Contemplam Os Recursos de Acessibilidade Para Pessoas com Deficiência

Em reunião plenária da Comissão Especial de Estudos de Televisão Digital da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), a coordenadora da comissão e gerente de engenharia de telecomunicações da Rede Globo de Televisão, Sra Ana Eliza Faria e Silva, afirmou que as normas brasileiras (NBR) específicas para o Sistema Brasileiro de Televisão digital (SBTVD) já publicadas contemplam todos os recursos de acessibilidade para pessoas com deficiência previstos na Norma Complementar nº 1/2006 do Ministério das Comunicações.