Profissão de audiodescritor será incluída na Classificação Brasileira de Ocupações

Foi realizada na última quarta-feira, 30 de janeiro, em São Paulo, a reunião entre os técnicos do Ministério do Trabalho e os representantes dos audiodescritores com o objetivo de finalizarem o estudo de escopo para a inclusão da profissão de audiodescritor junto à Classificação Brasileira de Ocupações (CBO).

Audiodescritores Lívia Motta, Rodrigo Campos, Lara Pozzobon e Maurício Santana

PraCegoVer: O encontro contou com a presença dos audiodescritores Lívia Motta, Rodrigo Campos, Lara Pozzobon e Maurício Santana.

O resultado do trabalho, bem como, o anúncio do código específico da profissão, serão divulgados pela equipe da CBO ainda este mês de fevereiro.

A MIDIACE agradece imensamente toda a atenção recebida da Sra. Cláudia Paiva, chefe de divisão da CBO, e toda sua equipe, que não mediram esforços no sentido de realizar a inclusão do código ainda este ano.

Agradecemos também a intermediação do Deputado Federal Eduardo Barbosa que desde o primeiro instante nos auxiliou no diálogo com o Ministério do Trabalho.

Assim que o código estiver disponível no sistema da CBO, anunciaremos no site da Midiace.

Veja também:

Nota do Blog:

Parabéns a todos os audiodescritores por mais esse importante avanço para aaudiodescrição brasileira. E um parabéns especial para o Rodrigo pelo esforço e dedicação à profissionalização do audiodescritor.

Fonte: MIDIACE



Mais sobre audiodescrição