Caminho das Estrelas: espetáculo com audiodescrição no planetário de Porto Alegre

"A partir das informações do áudio original, acrescentando-se a audiodescrição, a gente pode fazeruma imagem com certeza mais próxima daquilo que está sendo projetado", diz Adilso Corlasole, de 43 anos, que é cego e foi conferir o espetáculo Caminho das Estrelas, no planetário de Porto Alegre.

Caminho das Estrelas: Planetário de Porto Alegre

As figuras que aparecem no céu vão sendo descritas e as informações ajudam quem não tem visão como Vera e a filha. "A audiodescrição é imprescindível. É tudo", afirma a mãe, que é estudante de história. "É legal, eu gostei", completou a menina.

Produtor do material acessível apresentado no espetáculo Caminho das Estrelas, Paulo Fernando Junior salienta que a audiodescrição é um marco na vida da pessoa com deficiência visual. "Os deficientes hoje já são protagonistas no trabalho, já são protagonistas em cursos superiores, e faltava o acesso à cultura".

As sessões do espetáculo Caminho das Estrelas podem ser conferidas aos domingos, às 18h, no Planetário da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), em Porto Alegre.

Saiba mais:

Fonte: G1



Mais sobre audiodescrição