Postagens do assunto: Artigos acadêmicos

Elementos Para a Microestrutura de um Glossário Semitrilingue dos Termos da Audiodescrição

O presente trabalho tem como objetivo maior a elaboração de uma proposta de microestrutura de um glossário semitrilíngue de termos da Audiodescrição (AD), cujo público-alvo seria pesquisadores, profissionais e interessados em AD no Brasil. No que diz respeito aos aspectos teóricos, nos baseamos em autores da Terminologia e da Terminografia bilíngue como Cabré (1999), Krieger & Finatto (2004), Welker (2004), Barbosa (1990), Barros (2004), Pontes (2009), Schmitz (2001). Em relação à metodologia do trabalho, nos fundamentamos, notadamente, em Berber Sardinha (2004), Almeida (2006), Aubert (1996) e Barbosa (1995).

Proposta de Parâmetros Descritivos para a Audiodescrição a luz da Tradução Audiovisual e Semiótica

Audiodescrição (AD) é uma modalidade de tradução intersemiótica na forma audiovisual, isto é, é um texto verbal escrito para ser ouvido, ao vivo, pré-gravado ou com auxílio de leitores de tela em computadores; por sua natureza voltada à acessibilidade visual, a audiodescrição contribui para o empoderamento e a inclusão sociocultural das pessoas com deficiência visual (PcDVs), no ambiente do trabalho, do lazer e da família. Tese intitulada Proposta de Parâmetros Descritivos para a Audiodescrição a luz da Tradução Audiovisual e Semiótica

A Audiodescrição Como Recurso de Acessibilidade ao Conhecimento no Ensino Superior a Distância

O presente trabalho, intitulado Audiodescrição no Ensino Superior a Distância, apresenta os resultados preliminares de uma pesquisa realizada no âmbito do Ensino Superior na modalidade à distância, oferecido pelo Centro de Educação a Distância da Universidade Estadual de Santa Catarina – CEAD/UDESC. A pesquisa que está sendo realizada visa qualificar o processo de produção de materiais didáticos, com foco inicial nos Cadernos Pedagógicos utilizados no curso de Licenciatura em Pedagogia, de forma a torná-los mais acessíveis, principalmente para pessoas com deficiência visual que necessitam de leitores de texto para acesso ao seu conteúdo.

A Priorização de Informação em Roteiros de Audiodescrição: O Que o Rastreamento Ocular Nos Tem a Dizer?

A audiodescrição (AD) é uma modalidade de tradução audiovisual que visa à tradução de imagens em palavras. Utilizada para descrever os elementos visuais de produções audiovisuais ela visa simular o sentido da visão através da audição. Isso permite que os deficientes visuais percebam esses elementos visuais e compreendam melhor o desenrolar de, por exemplo, peças teatrais e filmes, descrevendo não apenas os elementos que compõem o cenário, mas também os atores, os figurinos e outros elementos de cena. A audiodescrição, além de tornar acessíveis tais produções, pode também contribuir para o conhecimento de mundo dos deficientes visuais. Esta pesquisa pretende determinar de que modo o rastreamento ocular pode auxiliar na produção de roteiros de audiodescrição.

A Priorização de Informação na Audiodescrição do Desfile de Escola de Samba: Uma Proposta Metodológica Com o Uso do Rastreador Ocular

Este trabalho, intitulado A Priorização de Informação na Audiodescrição do Desfile de Escola de Samba: Uma Proposta Metodológica Com o Uso do Rastreador Ocular, se insere no campo dos estudos da Tradução Audiovisual, mais especificamente na área de Audiodescrição e tem como foco de investigação uma proposta de modelo metodológico utilizando o rastreador ocular para a descoberta de prioridades informativas nas imagens de um desfile de escola de samba.

Audiodescrição de Personagens de Filmes: Um Estudo Baseado em Corpus

A audiodescrição (AD) é uma modalidade de tradução audiovisual realizada através da descrição das imagens contidas em filmes, peças teatrais e programas de computador. É um recurso de acessibilidade destinado a pessoas com deficiência visual(DV). No Brasil, ela vem tendo uma crescente aplicação, com destaque para os filmes em DVDs. Em 2005 foi lançado o primeiro filme neste formato com audiodescrição. Hoje, o público deficiente visual conta com sete títulos disponíveis no mercado.

Museologia, Políticas Públicas e Inclusão Social

Nossa pesquisa, intitulada Museologia, Políticas Públicas e Inclusão Social, enfatiza três movimentos em que os Estados ocupam papéis centrais na América Latina a respeito de museologia. A Mesa Redonda de Santiago do Chile, em 1972, que destacou os museus no mundo contemporâneo e sua contribuição para a educação e o desenvolvimento social; a proposta do “Decenio Mundial para el Desarrollo Cultural 19881997” da UNESCO, sobre a necessidade de “fomentar o cultural como ferramenta para o progresso social dos povos”; e a proposta liderada pelo IBERMUSEUS em que a sociedade civil, instituições internacionais e profissionais do campo propõem transformar o período 2012-2022 em “Década dos Museus”, destaca o papel do Estado, da sociedade e do campo museológico na definição de políticas públicas para o setor.

Aplicabilidade da Audiodescrição como Recurso de Acessibilidade na Televisão Digital

Na atualidade, novas realidades e novos paradigmas nos influenciam a cada dia. Sabe-se que para o desenvolvimento da sociedade na contemporaneidade é indispensável o acesso à informação a todos os cidadãos, visando um maior número de pessoas envolvidas neste processo informacional, possibilitando a inclusão social. Depara-se, entretanto, com uma sociedade que precisa buscar atender à diversidade e que requer o vislumbre de novos caminhos de inclusão social para pessoa com deficiência.

Comunicação e Audiodescrição: Estudos Contemporâneos

O objetivo desta pesquisa, intitulada Comunicação e Audiodescrição: Estudos Contemporâneos, é discutir, do ponto de vista da comunicação, a Audiodescrição (AD), tradução de imagens em palavras como ferramenta de acessibilidade cultural, capaz de proporcionar aos deficientes visuais autonomia durante uma sessão de cinema, nas programações de TV e Internet, além de espetáculos teatrais e exposições. Com enfoque no processo de produção e na qualificação dos profissionais Audiodescritores, esta pesquisa está restrita às realizações audiovisuais previstas para exibição em cinema, TV e internet, independente de gênero e formato.